Sociedade

SAÚDE PÚBLICA

Com pura hipocrisia, ministro da saúde elogia o SUS enquanto aplica seu desmonte

Nesta quarta-feira (16), o ministro da saúde Eduardo Pazuello, realizou a apresentação do plano nacional de imunização contra a Covid-19. Enquanto minimizou a pandemia e seus efeitos, Pazuello fez declarações demagógicas sobre a importância do SUS para o país, sendo que sequer sabia da existência do SUS até o mês de outubro e que quer a privatização da saúde pública.

quarta-feira 16 de dezembro de 2020| Edição do dia

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Em seu discurso, Pazuello afirmou que “nós temos uma estrutura muito forte que é o SUS”, o maior sistema de saúde do mundo e que temos que nos orgulhar por sua capacidade. No entanto, Pazuello, junto com todo o governo Bolsonaro que vem atacando a saúde pública, extinguindo programas, pesquisas e com propostas de privatização do sistema de saúde.

Pode te interessar: "Pra que essa ansiedade, essa angústia?" questiona Ministro da Saúde ignorando mais de 180 mil mortes

O Brasil é um dos países com mais mortes pela Covid-19 e essa absurda realidade é responsabilidade direta dos governos, especialmente do negacionismo do governo Bolsonaro que vem aprofundando os ataques ao SUS.

Pode te interessar: A luta contra a privatização do SUS e o sistema de saúde que precisamos




Tópicos relacionados

Ministro da Saúde   /    Eduardo Pazuello   /    Crise do Coronavírus   /    Sistema de saúde   /    Crise na Saúde   /    COVID-19   /    pandemia   /    Coronavírus   /    Saúde Pública   /    Governo Bolsonaro   /    Ministério da Saúde   /    SUS   /    Sociedade

Comentários

Comentar