Queimadas

Focos de incêndio no Amazonas são os maiores da história, fruto da ambição capitalista

Segundo dados do Inpe, neste ano o estado do Amazonas já registrou o maior número de focos de incêndio da história. O avanço do agronegócio sobre a região e a política de "passar a boiada" do Governo Bolsonaro são os culpados por essa devastação ambiental.

segunda-feira 12 de outubro| Edição do dia

Foto: Fernando Alves

Foram mais de 15,7 mil focos de incêndio somente esse ano no estado, número que já é o maior em um ano desde que o Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais (Inpe) começou a monitorar via satélite em 1998. Essa marca ultrapassou a de 2005 quando foram notificados durantes aquele ano 15644 focos de incêndio.

Segundo o Inpe, neste ano os incêndios florestais já superaram marca recorde em dez anos, sendo que 45,6% dos casos de foco de incêndio ocorreram na Amazônia, o bioma brasileiro mais afetado por queimadas nesse ano.

A devastação ambiental é uma marca desse governo que tem o ministro do meio ambiente Ricardo Salles como principal responsável pela desregulamentação das lei de proteção ambiental como ele mesmo admitiu no vídeo da reunião ministerial. Os ataques do governo ao meio ambiente vêm acompanhado de declarações falsas e absurdas como a fala de Bolsonaro na ONU em que ele culpa os povos originários de começas os incêndios, como também a fala do vice presidente Hamilton Mourão de que o "reflexo do sol confunde os satélites”. Declarações essas que tem o objetivo de ocultar o pacto do governo com os latifundiários do agronegócio que, com desmatamento e com os incêndio, conseguem expandir as áreas para que possam aumentar cada vez mais seus lucros.

Está claro o objetivo de destruição ambiental do governo e do agronegócio. Somente a classe trabalhadora possui as forças para frear a ambição e devastação promovida pelo capitalismo.
Se o capitalismo destrói o planeta,destruamos o capitalismo!




Tópicos relacionados

Crise Climática   /    Queimada   /    Fora Bolsonaro, Mourão e os militares   /    Amazônia   /    Capitalismo   /    Meio Ambiente

Comentários

Comentar