×

Corrupção | Lira libera milhões para aliados enquanto maioria da população sofre com violência e fome

Em mais um exemplo da prática do "toma lá dá cá" no governo Bolsonaro, Arthur Lira usa o mecanismo do "orçamento secreto" para favorecer prefeitos aliados.

quarta-feira 24 de novembro | Edição do dia

Foto: Alan Santos

O tal mecanismo chamado de "orçamento secreto" foi criado em 2019, já no governo Bolsonaro, e ele nada mais é do que uma moeda de troca entre o governo federal e deputados da base aliada para a compra de votos, ou seja, corrupção em estado bruto.

Dessa vez Arthur Lira (PP-AL) usou seu primo e uma empresa estatal para favorecer seus aliados. João José Pereira Filho, além de familiar do presidente da Câmara é o homem à frente da CODEVASF (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba) em Alagoas. Vale reforçar que o sobrenome Lira aparece outras vezes na lista de favorecimentos.

O órgão administra no estado um caixa de R$ 83,9 milhões de emendas do relator. Os repasses já tiveram como destino, por exemplo, Barra de São Miguel, governada pelo pai do deputado, Benedito de Lira (PP-AL), que recebeu R$3,8 milhões.

E os exemplos seguem: Arapiraca, que é governada por José Luciano Barbosa (MDB-AL), recebeu R$23,8 milhões. Já o prefeito de Canapi, Vinícius José Mariano de Lima (PP-AL), recebeu R$2,3 milhões. O prefeito de Estrela de Alagoas, Aldo Lira de Jesus (PP-AL), foi contemplado com um caminhão-pipa comprado pela CODEVASF no valor de R$ 379 mil. Roteiro, comandada por Alysson Reis (PP-AL), recebeu 31 retroescavadeiras e a cerimônia de entrega teve a presença de Arthur Lira.

Já os prefeitos da região que não estão na órbita do universo corruptível de Lira não conseguem acessar os recursos financeiros da estatal, impedindo a compra de equipamentos e paralisando obras na região.

Veja também: STF defende teto de gastos e ajustes, suspensão do orçamento secreto é demagogia

E ainda: Lira vai buscar barrar suspensão do ’orçamento secreto’ realizada pelo demagógico STF




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias