×

Bolsonarismo | Fiemg mostra seu lado bolsonarista e elabora manifesto a favor do presidente

O presidente Jair Bolsonaro está divulgando o manifesto elaborado pela Fiemg, intitulado "Manifesto pela liberdade", que ainda não foi postado no site da entidade. Na carta, se afirma que o STF está perseguindo a liberdade de expressão devido a sua atuação no inquérito das fake news.

quarta-feira 1º de setembro | Edição do dia

(Foto: Reprodução)

A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) já havia anunciado que não iria assinar o manifesto proposto pela Fiesp, que possui um tom mais crítico ao governo de Bolsonaro, mas defendendo as reformas que atacam os direitos dos trabalhadores.

No manifesto dos industriais mineiros, o foco dos ataques é o Supremo Tribunal Federal (STF). Eles acusam o STF de estar perseguindo a liberdade de expressão e o estado democrático de direito e afirmam que a "exacerbação" do tribunal deve "ser revisada".

Leia mais: O que expressa realmente o manifesto de empresários pela “harmonia entre Poderes”?

Se o STF de fato é uma instituição que atua de maneira antidemocrática, o manifesto serve como uma defesa do presidente Jair Bolsonaro, que persegue opositores se utilizando da Lei de Segurança Nacional e dá seguidas declarações golpistas, além de reivindicar a ditadura.

Um dos nomes proeminente da Fiemg é o empresário Salim Mattar, da locadora de carros Localiza, que ocupou um cargo no governo de Bolsonaro em 2019.

Assista: O Brasil não é para amadores: 7 de setembro, o golpismo bolsonarista e o manifesto dos patrões




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias