×

AUMENTO DO CUSTO DE VIDA | Em meio a aumento da inflação, índice de reajuste do aluguel tem alta de 31,1% em 12 meses

O IGP-M, índice que regula o reajuste dos aluguéis, teve alta de 2,94% em março, segundo a FGV, maior índice desde 1994, aumentando ainda mais o custo de vida.

terça-feira 30 de março | Edição do dia

(Foto: Fernanda Carvalho/Fotos Públicas)

As maiores influências sobre o aumento do IGP-M foram os combustíveis, como diesel, gasolina, etanol e gás de cozinha. Por ser um índice com peso de commodities em sua composição, também as variações do dólar influenciam a sua variação.

Leia também: Gasolina tem novo reajuste, a soma de aumentos já passa de 50% no ano de 2021

Em março, o aumento foi de 2,94%, depois de aumento de 2,53% em fevereiro. Em março do ano passado, o aumento foi de 1,24%, com aumento acumulado em 12 meses de 6,81%, contra um aumento de 31,1% nos últimos 12 meses, representando mais um grande avanço no custo de vida da classe trabalhadora.

Leia também: A fome bate na porta dos trabalhadores: cesta básica fica 33% mais cara sob Bolsonaro

O IGP-M regula os reajustes dos contratos de aluguel, e tem um aumento muito maior que o IPCA, que mede a inflação geral, que tem alta de 5,2% nos últimos 12 meses.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias