#28A|SÃO PAULO

São Paulo amanhece parada: Metrô, CPTM e ônibus paralisados

sexta-feira 28 de abril de 2017| Edição do dia

São Paulo amanheceu paralisada. A CPTM informou não ter condições de fazer a operação de contingência por falta de operadores devido à greve geral deste 28A e nenhuma linha está operando e os trens não saíram dos pátios das linhas do Metrô.

Felipe Guarnieri, Operador da linha 1 Azul do Metrô.

A linha 4-Amarela (privatizada), está funcionando. Mas o movimento está visivelmente muito menor do que é esperado neste horário durante a semana.

O Terminal Bandeira , um dos mais movimentados da cidade de São Paulo que recebe cerca de 130 mil passageiros todos os dias, encontra-se vazio.

O 28A começou com força em São Paulo!

Até o momento não há relatos de repressão aos trabalhadores do transporte. Nas primeiras horas dessa madrugada vários pontos da cidade amanheceram com piquetes e manifestações. Nesse momento o aeroporto Guarulhos também está sendo o palco de manifestações, bloqueado pelos aeroviários contra os ataques de Temer. Acompanhe pelo Esquerda Diário as manifestações dos trabalhadores ao longo do dia.

Acompanhe a cobertura do 28A no Esquerda Diário.

Leia também: Preparar uma greve geral até derrubar Temer e as reformas! Por uma Constituinte Livre e Soberana imposta pela luta




Tópicos relacionados

#28A   /    São Paulo (capital)

Comentários

Comentar