×

ED Comenta | Semipresidencialismo, fome no Brasil, olimpíadas e atos do 24J

Confira os principais temas da semana com o ED Comenta, nosso programa diário de segunda a sábado em vídeos de 2 minutos. Curta, comente e compartilhe!

domingo 25 de julho | Edição do dia

Segunda-feira (19/07): A PEC do Semipresidencialismo de Arthur Lira

Arthur Lira está tentando costurar uma proposta de emenda constitucional de semipresidencialismo na câmara, com apoio de figuras do STF como os ministros Luís Roberto Barroso e Gilmar Mendes, e outros golpistas como o ex-presidente Michel Temer.

Terça-feira (20/07): 19 milhões de pessoas com fome no Brasil

Cerca de 113 milhões de brasileiros estão em situação de vulnerabilidade alimentar e mais da metade da população, 19 milhões vivenciam a desnutrição e a fome. O aumento da inflação fez os alimentos subirem muito, comer carne é praticamente impossível e além disso teve aumento no aluguel, nos transportes, combustíveis e no gás de cozinha. A professora do Rio de Janeiro, *Carolina Cacau* comentou sobre esse tema no Esquerda Diário Comenta.

Quarta-feira (21/07): Voto impresso

Fernanda Peluci, metroviária de SP, fala sobre o voto impresso, discussão impulsionada por Bolsonaro e que tem como objetivo a manipulação e controle do processo eleitoral em 2022, inclusive instigando ações golpistas e antidemocráticas.

Quinta-feira (22/07): Manifestações de 24 de julho

Flavia Valle, professora em Minas Gerais, comenta os atos nacionais contra Bolsonaro nesse sábado (24J), o papel das centrais sindicais e dos partidos de esquerda e a importância da construção de uma greve nacional para derrubar Bolsonaro, Mourão e os ataques.

Sexta-feira (23/07): Olimpíadas de Tóquio

Eduardo Maximo, bancário no DF, comenta sobre a abertura oficial das Olímpiadas de Tóquio em meio a pandemia e as manifestações que têm ocorrido tanto por parte dos atletas como pela população japonesa.

Sábado (24/07): Tenente do exército defende meter fogo em indígenas

Adailson Rodrigues, ex-rodoviário de Porto Alegre, comenta sobre o absurdo áudio onde o militar e coordenador da FUNAI, Henry Charlles Lima da Silva, defende "meter fogo" nos povos indígenas isolados.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias