Política

MILIONÁRIOS DO NOVO

Filipe Sabará, do Novo, retifica declaração de bens de R$ 15 mil para R$ 5 milhões

O candidato a prefeitura de São Paulo disse que ocorreu um “lapso” quando fez a declaração.

quinta-feira 24 de setembro| Edição do dia

(Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

O empresário Filipe Sabará é herdeiro do grupo Sabará, da indústria de cosméticos, que nos últimos anos teve um faturamento de mais de R$ 200 milhões de reais. Segundo informações da coluna Painel, do jornal Folha de São Paulo, sua declaração inicial ao TRE dizia que ele possuía bens no valor de R$ 15686, sendo R$ 8 mil em ações. Na retificação, o valor de suas ações passou a ser de R$ 5 milhões, e seu patrimônio total de R$ 5,1 milhões.

O suposto “lapso” de Sabará gerou mal-estar entre filiados do partido, que suspendeu, temporariamente, sua candidatura a prefeitura de São Paulo. Ele também já havia entrado em conflito com João Amoêdo após elogiar publicamente Paulo Maluf. Sabará afimou estar sendo perseguido por Amoêdo e uma “ala esquerdista” do Novo, bem como por infiltrados do MBL.

O Novo é o partido de João Amoêdo, que faz campanha abertamente pela privatização dos Correios e foi também o partido de Ricardo Salles até maio de 2020, enquanto este era Ministro do Meio Ambiente de Bolsonaro, e permitia todo tipo de destruição ambiental.




Tópicos relacionados

Eleições 2020   /    Partido Novo   /    Eleições São Paulo   /    São Paulo (capital)   /    Política

Comentários

Comentar