Sociedade

VIOLÊNCIA POLICIAL

"Vou chamar outra viatura aqui pra quebrar você", diz GCM após agredir estudante

Estudante de uma escola publica em Cotia-SP denuncia violência da polícia racista que agrediu estudante na porta da escola. Assista ao vídeo.

sexta-feira 17 de fevereiro de 2017| Edição do dia

O guarda que aparece no vídeo, além de agredir um estudante na porta da escola quando chegava para aula, prática recorrente da polícia contra os jovens das periferias e escolas públicas, ainda ameaça o jovem negro que filmava os abusos: "Vou chamar outra viatura aqui pra quebrar vocês!":

Os métodos de humilhação e violência são sistemáticos, seja por parte da Polícia Militar e seus destacamentos para "Ronda Escolas", seja pelas Guardas Municipais que atuam ao redor das escolas. O jovem pobre que vai a escola, especialmente se for negro é tratado pelas forças policiais como suspeito, como inimigo.

Enquanto a polícia cumpre sua função de repressão sistemática a mando do Estado, o governo quer fechar escolas, precarizar mais o trabalho dos professores e assim restringir ainda mais o acesso da juventude à educação, cultura e lazer. Essa é a política para a juventude que sofre com os altos índices de desemprego e são vítimas da brutal violência do Estado que dessa vez humilhou e agrediu, e em muitas outros mata, realizando um verdadeiro extermínio da juventude negra e pobre.




Tópicos relacionados

Sociedade   /    violência policial   /    Juventude

Comentários

Comentar