Sociedade

REPRESSÃO E CENSURA

Advogado de estudantes detidos em Campinas por panfletar denuncia perseguição politica da polícia

terça-feira 16 de outubro| Edição do dia

Nessa manhã, por volta das 10:30, em Campinas, dois estudantes da USP e Unicamp, João Pedro Buzallski e Marcela Carbonne, que participavam de panfletagens em favor da campanha de Haddad, foram detidos e levados para a Policia Federal.

Os dois estavam em frente a portaria d principal terminal de ônibus da cidade quando foram arbitrariamente detidos Guarda Municipal que os levou para a policia federal.

Os estudantes indignados com tamanha repressão e abuso do poder policial afirmaram a população que aquilo já era um exemplo de autoritarismo que significava a volta da ditadura. Um dos guardas presentes respondeu: “Sim, a ditadura militar voltou, graças a deus".

Confira o o relato do advogado que acompanhou os estudantes João Pedro Buzallski e Marcela Carbonne, que foram detidos de forma arbitrária e ilegal pela GCM e levados para a Policia Federal, em um claro flagrante de repressão política enquanto entregavam panfletos a favor de Haddad em Campinas




Tópicos relacionados

Bolsonaro   /    Repressão   /    Sociedade

Comentários

Comentar