Política

SAÚDE PÚBLICA DE MG

Zema obrigou enfermeira asmática a trabalhar durante pandemia e ela teve que ir à justiça

segunda-feira 11 de maio| Edição do dia

A enfermeira trabalha no Hospital Maria Amélia Lins, integrante da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig). É portadora de asma e, portanto, grupo de risco mais suscetível às complicações de saúde devido à infecção pelo coronavírus.

Mesmo desde o início informando sobre sua condição de saúde, a enfermeira foi obrigada pela diretoria do hospital a trabalhar em meio à pandemia.

A liberação do trabalho só veio depois que a enfermeira entrou na justiça e provou ser portadora de asma. A liberação de trabalhadores em grupo de risco, além de ser uma recomendação médica, também está prevista na própria portaria do hospital, no entanto não foi seguida pela diretoria a serviço do Governo Zema.

Como sabemos, faltam equipamentos de segurança para os profissionais da saúde em todo o país. E em Minas Gerais não é diferente. Já são inúmeras as denúncias desses trabalhadores em todo o Estado, mas ainda assim Zema segue sem garantir que aqueles que estão na linha de frente lutando contra o covid-19 e realmente salvando vidas, possam ter a proteção mínima que precisa. Pelo contrário. Além de não garantir os EPIs, ainda obriga que trabalhadores em grupo de risco sigam se expondo ao risco do contágio, ao mesmo tempo que não contrata novos profissionais que estão desempregados e nem oferece treinamento massivo aos estudantes da área.

Em diferentes regiões do país já estão acontecendo mobilizações dos profissionais da saúde exigindo equipamentos de segurança para poderem trabalhar. Já aconteceram mobilizações nesse sentido em Manaus, em Brasília, no Rio, diretamente contra o ministro Teich, e no hospital universitário da USP, que não estava oferecendo nem máscara para centenas de trabalhadoras. Amanhã, 12 de Maio, dia da enfermeira, devem ocorrer mobilizações de solidariedade dessas profissionais que estão na linha de frente. É preciso apoiar suas ações, cercando de solidariedade, e divulgar ao máximo para que se tornem exemplo e coloquem o descaso dos governos contra a parede. Nós do Esquerda Diário seguiremos apoiando e cobrindo tais ações.




Tópicos relacionados

trabalhadores da saúde   /    Saúde MG   /    Romeu Zema   /    Minas Gerais   /    Saúde   /    Política   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar