Política

CORONAVÍRUS

Principal hospital do Agreste pernambucano atinge o colapso

Após a reabertura promovida pela governador Paulo Câmara (PSB), os casos e mortes no interior do estado explodiram. O O Hospital Mestre Vitalino (HMV), em Caruaru, no Agreste Pernambucano, maior hospital da região, já está com 100% dos seus leitos ocupados.

domingo 28 de junho| Edição do dia

Desde o início da pandemia, os governos puco fizeram para combater a pandemia. Apesar de terem decretado quarentenas, não providenciaram testes e deixaram o SUS a míngua. Isso resultou em que Pernambuco fosse um dos estados mais atingidos, com quase 5 mil mortos oficiais, mais uma imensa subnotificação.

No entanto, depois de pouco fazerem, agora os governadores resolveram reabrir a economia sem nenhum critério sanitário, sem promover testes nem nada. O resultado vemos agora. O interior do estado agora vê o número de casos - e mortes - explodir e os hospitais lotarem. O O Hospital Mestre Vitalino (HMV), em Caruaru, principal hospital da região, chegou a 100% dos leitos de UTI ocupados.

Esse problema não é específico do hospital. Outros hospitais da região já tão perto de atingir o número. Tampouco é algo isolado da região. Petrolina, uma das cidades mais importantes do sertão, viu seus casos e mortes dobrarem nos últimos dias e chegou a ter 100% dos leitos de UTI ocupados.

Agora, o governo volta a impor lockdown em algumas cidades. No entanto, continuam sem dar garantia para que os trabalhadores possam fazer a quarentena, como um auxílio emergencial de 2000 reais. Tampouco garantem testes capazes de diagnosticar e isolar os contaminados (inclusive os assintomáticos) e fazer uma quarentena racional que possa realmente combater o vírus. Falam de defesa da vida e levam milhares de mortes nas costas.

Por isso é necessário que os trabalhadores populares deem uma saída própria, exigindo testes massivos já, junto com um auxílio emergencial de 2000 reais e a disponibilização de quartos de hotéis para realização da quarentena. Pela estatização do serviço de saúde privado, unificando com o serviço público controlado pelos trabalhadores. Por mais leitos e respiradores! Pela reconversão industrial para a produção dos insumos necessários para o combate à pandemia!




Tópicos relacionados

Paulo Câmara (PSB)   /    Pernambuco   /    Recife   /    Coronavírus   /    Política

Comentários

Comentar