Política

Bolsonaro

No dia dos professores, Bolsonaro diz que ‘quem vai mandar no Brasil são os capitães’

No dia dos professores, candidato reacionário prefere visitar o BOPE, instituição mais assassina da polícia militar.

segunda-feira 15 de outubro| Edição do dia

Foto: Wilton Junior/Estadão

O dia é dos professores, mas para o candidato reacionário Jair Bolsonaro, quem merece ser visitado é o BOPE. Segundo os assessores do presidenciável, se tratou de um encontro entre amigos.

Apesar disso, Bolsonaro tirou vários selfies com os integrantes da polícia que mais mata no Brasil. Além disso, terminou dizendo "Tô dando continência pro coronel, mas quem vai mandar no Brasil serão os capitães".

Isso só escancara ainda mais o caráter autoritário do candidato, que no dia dos professores prefere se encontrar com a instituição que reprimiu sistematicamente os docentes. Por isso, é necessário desde já montar comitês de base para derrotar Bolsonaro na luta de classes!




Tópicos relacionados

Extrema-direita   /    Corrupção Policial   /    Bolsonaro   /    Violência Policial   /    Rio de Janeiro   /    Política

Comentários

Comentar