OUTRO AUMENTO

Justiça determina aumento da passagem para R$ 3,95 no Rio

sexta-feira 26 de maio| Edição do dia

A justiça determinou mais um abusivo aumento da passagem dos ônibus municipais do Rio de Janeiro. A decisão veio da juíza Roseli Nali, da décima quinta Vara de Fazenda Pública. A absurda decisão da justiça se baseia no aumento anual concedido à mafia dos transportes, para enriquecer os Baratas e outros capitalistas responsáveis pelas caríssimas latas de sardinha em que os trabalhadores vão todos os dias para o trabalho, enfrentando enorme trânsito e sufoco para garantir o lucro dos empresários.

A prefeitura terá um prazo de 11 dias, contando à partir de ontem (25), para realizar o aumento. Segundo a juíza, a prefeitura desrespeitou o ajuste anual. No entanto, a juíza ignora o acordo jurídico firmado entre empresas de transporte e Eduardo Paes, que obriga as empresas a instalar ar-condicionado em toda a frota. Mais uma vez a justiça mostra como é pau-mandado dos capitalistas corruptos, atuando em favor do lucro.

Crivella havia acordado este valor abusivo de 3,95 reais caso os ar-condicionado fossem instalados. Mesmo este acordo já era muito benéfico, já que o Tribunal de Contas Municipal do Rio vem demandando desde 2015 a redução da tarifa, sem que esta recomendação seja cumprida ou sequer considerada pela justiça e a prefeitura.

Enquanto isso, centenas de trabalhadores foram mandados em bora com a ampliação quase total da dupla-função, linhas de ônibus foram remodeladas para agradar os capitalistas do transporte de cobrar mais passagens, e bilhetes únicos vem sofrendo vários cortes. A juventude deve se unificar com a classe trabalhadora e exigir a expropriação dos transporte públicos para que seja estatizado e colocado sob controle de trabalhadores e usuários.




Tópicos relacionados

Rio de Janeiro

Comentários

Comentar