Política

RACISMO

Hoje: manifestações no Rio e em São Paulo exigem justiça por George Floyd e João Pedro

domingo 31 de maio| Edição do dia

No Rio e em São Paulo, manifestações foram convocadas para protestar contra o assassinato do povo negro pela polícia. Seguindo o estopim do assassinato de George Floyd, covardemente morto em Minneapolis, nos EUA, e gerou muito ódio e manifestações contra os assassinatos de negros pela polícia, a manifestação no Brasil segue a tendência internacional e foi chamada de maneira espontânea exigindo também justiça para João Pedro Matos, assassinado pela polícia racista de Wilsom Witzel no Rio de Janeiro.

No RJ, a manifestação foi marcada para as 15h na frente do Palácio da Guanabara (Palácio Laranjeiras), sede do governo estadual. Em São Paulo, a manifestação foi marcada para as 12h no MASP.

Em São Paulo, a manifestação coincide com um ato contra o governo Bolsonaro, organizado por diversos grupos incluindo o Corinthinas Antifascita.

A convocação foi feita nas redes sociais e em aplicativos de maneira espontânea. Em mensagens, é orientado o distanciamento social durante a manifestação, assim como uso de medidas de proteção, máscaras etc.

Leia tambem: Assassinato de George Floyd, novo crime racista da polícia nos EUA: toda solidariedade à imponente revolta social!




Tópicos relacionados

Racismo   /    Racismo EUA   /    Política

Comentários

Comentar