Mundo Operário

CRISE CORREIOS

Carteiros se dirigem à população através de carta aberta sobre a crise dos Correios

Um carteiro da região da Grande São Paulo enviou para o Esquerda Diário essa carta que elaborou junto a colegas de trabalho dirigida à população. Divulgamos para a população para que conheça o ponto de vista dos carteiros da crise nos Correios.

sexta-feira 20 de maio de 2016| Edição do dia

Os Correios vivem a pior crise de sua história desde 2011. Não faz concurso público, o quadro de funcionários está numericamente defasado. E para piorar, cortaram as horas extras, o que amenizava a situação caótica. A empresa teve a receita recorde de 18 bilhões no ano passado e torraram 20 bilhões. Para onde foi tanto dinheiro? A população não suporta tamanha falta de consideração para com ela. As faturas e encomendas estão sendo entregues na maioria das vezes com atraso. A população sofre com o descaso vendo o seu direito não respeitado de receber tudo no prazo. Tudo isso tem sido culpa da má administração da empresa ao longo dos últimos anos. Muitas vezes os trabalhadores são ameaçados de violência física na rua por algumas pessoas de ânimo exaltados que ignoram que a culpa não é do carteiro, mas sim dos burocratas com altíssimos salários, que nem são funcionários de carreira, mas nomeados políticos, os quais estão sucateando uma empresa pública que sempre primou pela qualidade e excelência na prestação de serviço ao povo, e que lamentavelmente está sendo dilapidada para ser privatizada e atender a interesses obscuros. Não vamos comentar a corrupção na empresa por falta de espaço e além do mais muitos já a conhecem através dos meios de comunicação.




Tópicos relacionados

Correios   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar