MRT

TRANSPORTES PÚBLICOS

BH tem a passagem mais cara do país: trabalhadores e a juventude podem derrubar o aumento

A capital mineira é a que tem a maior tarifa de ônibus do país após o aumento em 11% das passagens. Após o aumento em BH que já está valendo desde o início do ano, Contagem também passará a ter a passagem de 4,50 reais a partir dessa quinta feira.

Flavia Valle

Professora, Minas Gerais

quinta-feira 10 de janeiro| Edição do dia

Esses são mais ataques dos prefeitos Kalil e Alex de Freitas que favorecem os empresários dos transportes e caminham em consonância com a política de ajustes Zema no governo mineiro.

Os aumentos são abusivos e vem sendo denunciado por movimentos sociais. Além de serem serviços de péssima qualidade, com fusão e exclusão de linhas e com precárias condições de trabalho em que até o serviço de trocador foi abolido em Contagem, modelo que está sendo expandido também pra BH e que favorece acidentes gravíssimos como o que aconteceu em novembro de 2018, ferindo 22 pessoas em Contagem.

Enquanto isso, a população enfrenta ameaças de maiores ajustes com o governo de Zema com ameaças de privatizações e precarização dos serviços de atendimento à população como saúde e educação, como já vemos a realidade dos servidores que trabalham sem salários e no anuncia de privatização da Cemig que está sendo elaborado pelo governador mineiro. Na esfera federal o governo de Bolsonaro, além de ter diminuído o valor do salário mínimo para 998 reais, ameaça uma Reforma da Previdência draconiana que quer que trabalhemos até morrer sobrevivendo na miséria.

A juventude e os trabalhadores podem barrar esses ataques. Lutamos contra aumento das tarifas e pela estatização dos transportes sob gestão dos trabalhadores e controle da população, única forma de enfrentar as tarifas absurdas dos governos de ricos e poderosos e colocar em marcha a força da nossa classe para acabar com as máfias dos cartéis. É urgente que a CUT e as centrais sindicais saiam de uma política traidora de não chamarem um plano de luta sequer contra esses ataques que acontecem já nos primeiros dias do ano para podermos unificar os trabalhadores, a juventude e a população em defesa de nossos direitos.




Tópicos relacionados

Precarização do Transporte Público   /    Trabalhadores   /    #contraoaumento   /    Aumento das Passagens Belo Horizonte   /    MRT   /    Transporte   /    Aumento da Passagem

Comentários

Comentar