Política

ATOS CONTRA BOLSONARO

Ato em Belo Horizonte contra Bolsonaro reúne milhares

Atos contra Jair Bolsonaro acontecem por todo país. Em Belo Horizonte, milhares marcham contra Bolsonaro. O grupo de mulheres Pão e Rosas com bloco composto por professores, estudantes e técnicos da UFMG realizou intervenção em homenagem à Marille Franco e Mestre Moa.

sábado 20 de outubro| Edição do dia

Hoje (20), acontecem pelo país dezenas de atos contra Jair Bolsonaro (PSL). Em Belo Horizonte, Minas Gerais, milhares marcharam em repúdio ao candidato. O ato teve sua concentração na Praça Sete e marchou sentido Praça da Estação.

Reunindo milhares de trabalhadores, estudantes, negros e negras, e LGBTs, o ato aconteceu sob a consigna #EleNão, e palavras de ordem contra o que há de mais reacionário em Jair Bolsonaro, como machismo, racismo e LGBTfobia seguiram agitando o ato.

O Pão e Rosas teve uma forte atuação no ato, com um bloco independente, levantando a consigna: "Comitês de Base contra Bolsonaro, o golpismo e as reformas" e foi formado por professores, estudantes e técnicos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Além disso, foi também realizada uma intervenção pelo Pão e Rosas para mudar as placas de rua com placas em homenagem à Marielle, militante de esquerda e mulher negra brutalmente assassinada, e Mestre Moa, o capoeirista morto com 12 facadas por apoiador de Bolsonaro.


Também foi realizado um ato em Juiz de Fora, no interior de Minas Gerais, contando com centenas de milhares contra Bolsonaro. Veja aqui

É preciso fortalecer a luta nas ruas, construindo comitês de base nos locais de trabalho e estudo, capaz de organizar trabalhadores, mulheres, negros, LGBTs contra Bolsonaro, o avanço da extrema-direita, o golpismo e as reformas. Somente essa força organizada é capaz de barrar o programa anti-trabalhador, ultraneoliberal e ajustador de Bolsonaro, além de todo caráter machistas, racista e LGBTfóbico que condensa em si.




Tópicos relacionados

Comitês contra Bolsonaro   /    Mulheres Contra Bolsonaro   /    Eleições 2018   /    Bolsonaro   /    Política

Comentários

Comentar