www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário
http://issuu.com/vanessa.vlmre/docs/edimpresso_4a500e2d212a56
Twitter Faceboock
Sans la nommer: sem nomeá-la, canção francesa fala sobre a revolução
Lina Hamdan
Estudante de Artes Visuais na UFMG
Ver online

Considerada como uma das canções mais poéticas que já foram escritas sobre a revolução, publicamos aqui a letra de Sans la nommer ("Sem nomeá-la"), composta em 1969 pelo compositor e cantor francês-egípcio Georges Moustaki.

Eu gostaria de, sem nomeá-la,
Falar dela para vocês
Como de uma bem-amada,
De uma infiel,
Uma menina viva
Que acorda
Aos amanhãs que cantam
Sob o sol.

Ela é aquela que é espancada,
Que é seguida e perseguida.
É ela que se levanta,
Que sofre e entra em greve.
É ela que é aprisionada,
Traída, abandonada.
Que nos dá vontade de viver,
Que nos dá vontade de segui-la
Até o fim, até o fim.

Eu gostaria de, sem nomeá-la,
Prestar uma homenagem a ela.
Linda flor do mês de maio
Ou fruto selvagem.
Uma planta bem plantada
Sobre suas duas pernas
E que carrega a liberdade
Onde quer.

Eu gostaria de, sem nomeá-la,
Falar dela para vocês.
Bem-amada ou mal-amada,
Ela é fiel.
E se vocês querem
Que eu a apresente,
Nós a chamamos de
Revolução Permanente!

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui