www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Jueves 26 de Noviembre de 2020
23:36 hs.

Twitter Faceboock
CONFLITO MAPUCHE
Rede de amigos e familiares mapuche: "Há um conflito histórico entre o Estado do Chile e o povo nação mapuche"

Compartilhamos o comunicado da rede de familiares e amigos dos comuneiros mapuche a mais de 90 dias de greve de fome depois dos fatos ocorridos durante a noite deste sábado e domingo 2 de agosto.

Ver online

Comunicado público a 91 dias da greve de fome do nosso machi Celestino Córdova

Ao nosso povo Nação Mapuche, a nossas autoridades tradicionais e espirituais, a todos os povos originários do mundo, ao povo não-mapuche que se mobiliza e luta, a nossa família, comunidade e amigos, viemos informar o seguinte:

Kiñe: As autoconvocatórias que estão se desenvolvendo neste momento em Temuco, Concepción e outros lugares, foram uma resposta ao racismo imperante em nosso território e contra um governo que incentivou um clima de violência, querendo gerar uma guerra civil para lavar as mãos diante das legítimas demandas que hoje se levantam. Os responsabilizamos de serem incapazes, inoperantes durante muito tempo e atualmente podendo resolver os assuntos importantes, tendo as ferramentas necessárias, não o fizeram. Aqui há um conflito histórico entre o Estado do Chile e o povo Nação Mapuche, sobre os direitos políticos e territoriais; portanto, o Estado é responsável de resolver estes assuntos e é muito grave o incentivo que estão dando à violência desde o setor latifundiário, os empresários usurpadores e a ultra direita que vem tendo uma atitude criminosa, reproduzindo novamente a história. E na ocasião relembrar que são responsáveis das violações e saqueios que geraram o empobrecimento do nosso povo Nação Mapuche.

Epu: Fazemos um chamado em nível internacional aos organismos de direitos humanos, os que não podem permanecer silenciosos diante desta situação tão aberradora e gravíssima. Os chamamos a se pronunciar sobre esse incentivo a violência que realizaram pessoal do Estado Chileno, sobre o governo, já que esta situação deu autoridade para que realizassem chamados desde setores da ultra direita, latifundiários e puderam atuar com total impunidade, porque é muito perigoso estar incentivando uma guerra civil. Os chamamos a se pronunciar sobre a situação gravíssima de violação dos direitos humanos.

Kula: A desocupação que foi feita no último sábado 1 de agosto das prefeituras de Curacautín, Ercilla, Traiguen e Victória realizadas dentro do contexto das greves de fome, medida tomada pelos familiares dos grevistas, que pediram que se atendessem as demandas destes, que são totalmente alcançáveis, como é a aplicação do Convênio 169 da OIT, algo totalmente aplicável e não é nada desesperador o que se está pedindo em comparação com a liberdade que foi dada aos condenados por crimes de lesa humanidade, que foram liberados, receberam indultos e a atitude que estão tendo com a gente, deixando que os setores mais reacionários da ultra direita atuem sob a vista dos carabineiros e que estes sejam condizentes, em pleno toque de recolher é mais uma mostra dos poderes de fato que atuam no território mapuche. Apesar disso os que estão em greve de fome se mantém com a firme e absoluta convicção de que não abandonarão sua greve.

Meli: Nosso povo nas comunidades, nos territórios, não vão baixar a guarda, ainda que o Estado do Chile, o governo, tente nos amedrontar por ordem dos latifundiários, empresários com esta atitude criminosa que sempre tiveram e seguem tendo, e não vamos nos desmobilizar, vamos seguir em frente. Nosso machi Celestino está totalmente convicto e vai seguir em frente com sua greve de fome até as últimas consequências, exigindo que se resolvam todas as demandas dos presos políticos mapuche. Seguem com sua convicção intacta porque sabem que é totalmente alcançável enquanto direito os pleitos demandados.

Liberdade a todos os presos políticos mapuche!
Fora madeireiros, hidroelétricas e empresas extrativistas do território ancestral!
Machi Celestino a seu Rewe!
Familiares, Representantes, Amigos e Rede de apoio.
2 de agosto de 2020.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui