www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Jueves 26 de Noviembre de 2020
23:38 hs.

Twitter Faceboock
CULTURA
Projeto de auxílio para profissionais da cultura pode ser votado hoje
Vanessa Dias

O projeto de lei que prevê um auxílio para profissionais da cultura e espaços culturais afetados pela pandemia pode ser votado hoje na Câmara dos Deputados.

Ver online

O ator Guilherme Calzavara na sessão da peça Roda Viva no Theatro Municipal, em janeiro deste ano. Foto: Jennifer Glass/Divulgação/Oficina.

O Projeto de Lei (PL) 1.075/2020, chamado Lei de Emergência Cultural, prevê que profissionais da cultura, sejam artistas ou técnicos em produções culturais receberiam um salário mínimo, no valor de 1.045 reais, por mês até o fim da quarentena.

Espaços culturais receberiam 10 mil reais por mês pelo mesmo período. Como contrapartida, os espaços culturais que receberem a ajuda teriam que oferecer eventos mensais para estudantes de escolas públicas durante um ano, após a reabertura.

Além de atividades de lazer e de constituir parte fundamental na formação das pessoas, a cultura emprega hoje cerca de 5 milhões de pessoas no Brasil e é um dos setores mais atingidos pelas medidas de isolamento social.

Artistas como Tonico Pereira e Elisa Lucinda se manifestaram a favor do projeto, enquanto outras como Fernanda Paes Leme e Zélia Duncan criticaram a agora ex-secretária especial da Cultura Regina Duarte.

O setor da cultura já era um dos mais atacados pelas políticas obscurantistas de Bolsonaro e da extrema direita, que buscavam censurá-la de diferentes maneiras, desde proibir espetáculos aos cortes de financiamentos. Por ser um setor que comumente necessita de aglomerações para promover suas atividades, é agora uma vez mais atingido pelas necessárias medidas de isolamento social contra a Covid-19.

Os mais afetados serão os artistas menos famosos e de menor público, bem como os técnicos, que muitas vezes já encontram dificuldades para sobreviver apenas de sua arte. Bolsonaro e Regina Duarte buscavam definir o que seria arte e o que não seria de acordo com seus próprios padrões, atacando a liberdade criativa que deveria sempre nortear os artistas.

É importante a aprovação deste auxílio e é preciso muito mais para garantir o direito ao isolamento e a manutenção das condições de vida da população. Para os artistas e para toda população, é preciso um auxílio de 2.000 reais, financiado pela taxação das grandes fortunas e pelo não pagamento da dívida pública.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui