www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Domingo 25 de Octubre de 2020
02:43 hs.

Twitter Faceboock
ATO CONTRA BOLSONARO
Manifestantes antifascistas fazem ato contra manifestação bolsonarista em Porto Alegre
Redação Rio Grande do Sul

Em frente ao Comando Militar do Sul, no centro histórico de Porto Alegre, pessoas se somaram ao ato antifascista em resposta a um ato marcado por apoiadores de Bolsonaro que, entre outras coisas, levam reivindicações reacionárias, pedindo a intervenção militar e o AI-5.

Ver online

Um grupo antifascista, impulsionado pela torcida antifascista do internacional, se colocou hoje, em frente o Comando Militar do Sul, em enfrentamento e resposta ao ato reacionário dos apoiadores de Bolsonaro contrários a democracia, que pedem a volta da ditadura militar e o AI-5. O ato é um reflexo da indignação do povo, em especial do povo oprimido, com as articulações recentes dos setores de extrema direita da base de Bolsonaro, que vem promovendo pelo país uma cruzada contra a democracia e as demais instituições de poder, mobilizando esses apoiadores em atos de intencionalidades golpistas, que saem em pequenos grupos espalhados pelo país. Essa é a mesma base que também, aliada com os interesses das grandes empresas que Bolsonaro defende, sai em carreata pedindo reabertura às custas do massacre operário em meio a pandemia do COVID-19.

A torcida do Inter Antifascista impulsionou a movimentação em resposta aos reacionários, inspirados no que realizaram os torcedores do Corinthians na Av. Paulista, em São Paulo no domingo passado (10), que chegaram a impedir um ato bolsonarista pró-ditadura que ocorreria no mesmo local, um ato organizado de forma rápida em defesa da democracia, por uma torcida que já tem uma forte história na luta pela democracia desde o período da ditadura cívico-militar. Em meio a isso, se faz notório uma tradição que costuma aparecer há muito tempo na cultura do futebol que é a articulação política e a luta pelos direitos do povo em algumas torcidas do país, evidenciando a importância cultural do futebol, um esporte estimado pelo povo, principalmente o povo pobre e trabalhador, e que, embora venha sendo elitizado, ainda possui setores (em especial torcidas) que entendem, defendem e são as classes oprimidas.

Essa ação expressa todo o ódio que se tem a Bolsonaro e a sanha da extrema direita reacionária e obscurantista, e do capitalismo que passa por cima das nossas vidas em nome do lucro.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui