www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Miércoles 21 de Agosto de 2019
03:25 hs.

Twitter Faceboock
ATUALIDADE DO TRABALHADOR
Argentina: Fábrica Kraft/Mondelez volta a demitir e atacar os trabalhadores
La Izquierda Diario

A multinacional demitiu sem motivo Julio Tevez, ex-delegado sindical da Kraft/Mondelez.

Ver online

A multinacional Kraft-Foods/Mondelez, reconhecida por sua prática antissindical e ataques aos seus trabalhadores, agora demitiu sem motivo Julio Tevez, ex-delegado sindical, enquanto ele estava de férias.

Este é um avanço por parte da empresa, que já vinha implementando a redução de centenas de postos de trabalho através de uma agressiva política de “aposentadoria voluntária” e demissões, terceirizando setores como depósito e flexibilizando as condições de trabalho.

Agora se trata de uma demissão persecutória e discriminatória de um ex-delegado sem causa alguma.

A alimentícia norte-americana, líder no mercado de produtos como Oreo, Terrabusi, Milka, Mentecol, Cadbury, Beldent, Halls e Tang, entre outros, é conhecida mundialmente por sua prática antissindical.

Na Argentina, em 2009, ficou conhecida por demitir massivamente 150 trabalhadores, recorrendo a uma forte repressão, gerando um enorme repúdio, cortes da Panamericana, recebendo a solidariedade do movimento estudantil com cortes e manifestação em Callao e Corrientes, marchas na embaixada dos Estados Unidos.

Agora decide novamente demitir e atacar seus trabalhadores. Não apenas avançando sobre as condições de trabalho e demissões, como também com perseguições antissindicais. É uma ação grave.

Se iniciou uma campanha nacional e internacional contra as demissões e perseguições em Kraft-Foods/Mondelez e pela reincorporação imediata de Julio Tevez, que já conta com o apoio de Adolfo Perez, Prêmio Nobel da Paz (SERJAP), Mirta Baravalle e Elia Espen Mães da Praça de Maio Linha Fundadora, Carlos Propato, sobrevivente e reclamante de um processo coletivo contra a Ford, Comissão pela Memória, Verdade e Justiça da Zona Norte, APDH Argentina, entre outros organismos de direitos humanos; Deputados Nacionais e Legisladores de distintos blocos como Laura Alonso e Roberto Salvarezza do FPV, Leonardo Grosso e Araceli Ferreyra membros do Partido de La Red, Nicolas del Caño, Myriam Bregman e Natalia Gonzales Selidra da Frente de Izquierda; organizações sindicais como Pablo Micheli e Hugo Godoy da Central de Trabalhadores da Argentina (CTA Autónoma), Victorio Pirilli, Secretário de Cominicação da Confederação Geral do Trabalho (CGT) e Secretário-Geral do Sindicato de Trabalhadores Municipais de Vicente López, assim como intelectuais como o soci[ologo e ensaista Eduardo Grüner, entre outros.

A Comissão Interna e o Sindicato rechaçaram a demissão, denunciaram e exigem a reincorporação imediata. Além disso, a partir da agrupação BORDO levantaram a importância de tomar medidas concretas para fazer a empresa retroceder, conquistar a reincorporação de Julio Tevez e frear as demissões e os avanços contra as conquistas dos trabalhadores, para que em Kraft-Foods/Mondelez nunca mais exista ditadura.

Reincorporação imediata de Julio Tevez pela Kraft-Foods/Mondelez!

Nenhum demitido!

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui