×

Pré-candidaturas MRT | Veja os intelectuais e ativistas que apoiam as pré-candidaturas de Pablito e Maíra em SP

Marcello Pablito é pré-candidato a deputado federal e Maíra Machado a deputada estadual, juntos vão defender que o bolsonarismo, os militares e seus ataques só podem ser derrotados na luta de classes e não confiando as forças dos trabalhadores, mulheres, negros e lgbtqia+ em Alckmin, como faz Lula e o PT. Veja os apoios de Fedo Bacourt, Ricardo Antunes, Vladimir Safatle, Plínio de Arruda Sampaio Jr e Bia Abramides as pré-candidaturas do MRT em São Paulo pelo Polo Socialista e Revolucionário. 

terça-feira 19 de julho | Edição do dia

Nas últimas semanas o MRT apresentou suas pré-candidaturas que vão levar a frente a defesa da independência de classe para enfrentar o bolsonarismo, os militares e o regime herdeiro do golpe institucional. Em São Paulo, Marcello Pablito e Maíra Machado vão representar essas ideias como pré-candidatos a deputado federal e deputada estadual, respectivamente.

Veja mais em: Mais de 200 trabalhadores e estudantes lançam as pré-candidaturas do MRT em São Paulo

Intelectuais e ativistas como Fedo Bacourt, Ricardo Antunes, Plínio de Arruda Sampaio Júnior, Vladimir Safatle e Bia Abramides, são alguns dos nomes que declararam apoio às candidaturas de Marcello Pablito e Maíra Machado. Veja abaixo cada uma das declarações.

Fedo Bacourt é militante da União Social dos Imigrantes Haitianos, e declarou no lançamento das pré-candidaturas que "Pablito e Maíra sempre apoiaram as lutas do povo haitiano desde a chegada dos imigrantes haitianos no Brasil em 2010, sempre estiveram a nosso lado… Pablito e Maíra são as pessoas que nós achamos certas para levar a luta dos trabalhadores a frente e a União Social dos Imigrantes Haitianos está aqui para apoiar a todo vapor essas pré-candidaturas".

O professor de Sociologia da Unicamp, especialista em sociologia trabalho, Ricardo Antunes, também enviou seu apoio às pré-candidaturas dizendo "Nós temos que ter nessas eleições vozes anticapitalistas e socialistas que tenham coragem, que não tenham aquela ideia de ser eleitos a qualquer preço, mas que tenham coragem de fazer uma análise crítica, qualificada, séria e imprescindível ao capitalismo e isso só é possível de uma perspectiva anticapitalista e socialista, é por isso que eu saúdo as pré-candidaturas do Pablito e da Maíra do MRT no Polo Socialista e Revolucionário".

Plínio de Arruda Sampaio Júnior, professor aposentado da Unicamp, que recentemente rompeu com o PSOL pela diluição desse partido na chapa Lula-Alckmin e federação com a Rede golpista de Marina Silva, declarou também em apoio à Maíra e Pablito: "As candidaturas do MRT representam a possibilidade de uma voz com independência de classe no debate público, as candidaturas da Maíra e do Pablito são candidaturas de denúncia da barbárie capitalista, de defesa da urgência de mudanças estruturais na sociedade brasileira e de anúncio do socialismo como único meio de evitar a barbárie capitalista, as candidaturas do MRT sopram a brasa da revolução no pleito de 2022".

Vladimir Satatle, professor de Filosofia da USP declarou "Queria prestar minha solidariedade a todos os companheiros e companheiras do MRT que vão participar desse processo eleitoral agora, trata-se de um movimento extremamente combativo, importante dentro no nosso horizonte político que tem passando recentemente por uma retração da nossa capacidade de imaginação política e de radicalização das nossas propostas. O MRT é um movimento que há muito tempo demonstrou seu comprometimento com as causas da transformação estrutural da vida brasileira, de seus processos econômicos e sociais, então a presença deles no poder legislativo é algo bem vindo e necessário nesse momento".

Bia Abramides, professora da PUC-SP, declarou "Essa candidatura dupla, para deputado federal e deputada estadual vem nos marcos da concepção que de um lado combate o protofascismo da extrema direita do desgoverno Bolsonaro no Brasil, mas também a política de conciliação de classes que agora é formada pela chapa Lula com Alckmin na vice presidência…Maíra tem sido uma militante de primeira hora articulando as lutas da educação em Santo André, mas também a luta das mulheres trabalhadoras e em defesa do aborto legal, com qualidade, gratuito e seguro para as mulheres, e Pablito tem atuado firmemente no movimento negro contra toda forma de exploração e opressão, assim como no movimento sindical classista lutando pelo trabalho e salário… portanto, vamos firmes apoiar Maíra e Pablito".

Em agradecimento Marcello Pablito e Maíra afirmaram:

Marcello Pablito: "Nós agradecemos muito cada um desses apoios que recebemos, nossas candidaturas não são individuais, elas expressam a força de trabalhadores, jovens, mulheres, negros, lgbts, que estiveram conosco durante todos esses anos e que querem derrotar o bolsonarismo, todo seu discurso golpista e de ataques, na luta de classes, que é a única forma de combater a extrema direita e a direita."

Maíra Machado: "São muito valiosos cada apoio que recebemos dos intelectuais, ativistas, jovens e trabalhadores, mostra que vamos ter força para defender a independência de classe nessas eleições, contra o bolsonarismo e a miséria que querem colocar aos trabalhadores, mas dizendo abertamente que a política de conciliação da chapa Lula-Alckmin fortalece apenas a direita e que precisamos defender um programa que combata o desemprego e a miséria capitalista, que defenda por exemplo redução da jornada de trabalho sem redução de salário, dividindo as horas entre empregados e desempregados, apontando para se enfrentar com os patrões numa perspectiva anticapitalista e socialista".

VÍDEO: Lançamento das pré-candidaturas do MRT em São Paulo: Marcello Pablito e Maíra Machado




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias