×

ATRASO NA VACINAÇÃO | "Vamos deixar de ver só problema" diz Queiroga anunciando mais um atraso na vacinação

O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou nesta quarta-feira (21/04) que os grupos prioritários para serem vacinados contra a Covid só devem terminar sua vacinação em setembro, 4 meses depois do previsto inicialmente.

quarta-feira 21 de abril | Edição do dia

(Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Queiroga afirmou que a culpa do atraso é das entregas do consórcio Covax Facility e da escassez internacional de insumos para vacinas. Segundo o plano inicial, os grupos prioritários terminariam de ser vacinados em maio.

Leia também: Por conta do negacionismo de Bolsonaro, 6 capitais estão com vacinação paralisada

Em um verdadeiro deboche, falou para deixar de ver só os problemas e disse para "não ficarem com essa coisa de ficar contando dose de vacina", além de pedir ajuda à mídia para tranquilizar a população, enquanto o país ainda chega a mais de 3 mil mortos por dia por Covid-19 e a vacinação chega a ser paralisada em diversas cidades por falta de vacinas.

A escassez de vacinas e insumos hoje é um problema global, gerado principalmente pelas patentes que garantem o lucros dos grandes empresas farmacêuticas, mas bloqueiam que a produção avance no ritmo necessário. No Brasil, Bolsonaro, mas também os governadores como Doria, fazem grande demagogia em torno da vacinação, mas nada fizeram para garantir que houvesse condições reais de vacinar a população na velocidade necessária.

Leia também: "Guerra pelas vacinas": frente à irracionalidade capitalista, anulação das patentes e vacinas para todo mundo




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias