×

"Me deixem cantar até o fim" | Última música gravada por Elza Soares foi "Mulher do fim do mundo", conta empresário

Elza Soares, a "mulher do fim do mundo", foi uma das maiores cantoras brasileiras com suas letras que denunciavam a exploração e opressão. Seu objetivo: "cantar até o fim"

sexta-feira 21 de janeiro | Edição do dia

(Foto: Evandro Veiga/CORREIO)

Elza Soares, cantora que marcou história pela sua voz e música, sendo uma referência com as suas letras que denunciavam a exploração e opressão ocorridas na sociedade, é uma das maiores cantoras da música brasileira, com uma carreira no samba que teve início no final da década de 50.

Nascida Elza Gomes da Conceição, na cidade do Rio de Janeiro em 1930, Elza gravou 34 discos durante a sua vida. Sua vontade era "cantar até o fim", com sua arte que trazia arrepios a qualquer pessoa que tivesse contato com suas músicas.

"A mulher do fim do mundo" estava produzindo um novo disco e gravou um DVD no Teatro Municipal de São Paulo nos dias 17 e 18 de janeiro.

Pedro Loureiro, empresário da cantora, relatou ao G1:

"Seus últimos dias foram de uma rainha. Ela gravou DVD, cantou, estava de casa nova, uma cobertura que ela comprou. Estava superfeliz, superbem e morreu no auge de seus 70 anos de carreira. Com tudo que ela demorou uma vida inteira para conquistar", disse Loureiro, que se emociona ao lembrar a última música cantada por Elza.

"No DVD, a última música que ela cantou, cantou em vida, foi: "Me deixem cantar até o fim", lembra.

De acordo com Loureiro, ela estava bem, tendo feito a gravação do seu DVD nos dias 17 e 18 de janeiro e com uma rotina diária normal.

"A amada e eterna Elza descansou, mas estará para sempre na história da música e em nossos corações e dos milhares de fãs por todo o mundo. Feita a vontade de Elza Soares, ela cantou "até o fim", diz o comunicado enviado por sua assessoria.


Temas

Samba    Música    Cultura



Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias