×

Prisão política | URGENTE: Justiça de primeira instância revoga prisão preventiva de Galo

A Justiça de primeira instância acaba de decretar na tarde desta terça-feira (10) a revogação da prisão preventiva de Paulo Galo, Biu e Thiago Vieira, ativistas que estavam presos arbitrariamente em uma clara perseguição política. Galo, por exemplo, estava há mais de uma semana preso injustamente.

terça-feira 10 de agosto | Edição do dia

Ativista Paulo Galo, em Março de 2021. Foto: Pedro Borges

Na tarde de hoje, 10, novo decreto da justiça revoga prisão preventiva de Galo, preso há 13 dias de maneira totalmente arbitrária, e outros dois ativistas que também estavam sob acusação, Danilo Silva de Oliveira, conhecido por Biu, e Thiago Vieira Zem.

Apesar de terem sua prisão preventiva revogada, os três ativistas seguem sendo condenados pela justiça, tornando-se réus por 3 crimes. É preciso lutar pela anulação de todos os processos e inquéritos contra os manifestantes.

A previsão é que eles sejam soltos amanhã, 11 de agosto, no CDP Chácara Belém 1, segundo informações da conta oficial de Galo.

Paulo Galo e os outros ativistas vêm sofrendo uma clara perseguição política por parte da justiça e também do governo estadual de Doria, sendo responsabilizados pelo incêndio da estátua do reacionário bandeirante Borba Gato.

Desde sua prisão, inúmeras organizações, figuras e movimentos sociais levaram a frente uma campanha por #LiberdadeParaGalo. O Esquerda Diário também desde o começo se colocou pela liberdade imediata de Galo e todos os ativistas presos, denunciando o autoritarismo do judiciário que persegue aqueles que lutam. Agora, é preciso seguir a luta pela anulação dos processos contra eles.

- Liberdade para Galo e o enfrentamento ao autoritarismo judiciário

Os trabalhadores da MRV que atualmente estão em greve contra os ataques da patronal também expressaram sua solidariedade e apoio à liberdade de Galo.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias