Sociedade

VIOLÊNCIA

Transfobia: travesti é brutalmente agredida no Rio Grande do Norte

Vídeo que circulou pelas redes sociais nesta semana mostra homem armado agredindo uma jovem travesti a chicotadas. Um bárbaro traço da desumanização e violência que sofrem travestis e transexuais no Brasil.

sexta-feira 18 de setembro| Edição do dia

Circulou em algumas redes sociais vídeo que mostra homem agredindo uma jovem travesti com algo similar a um fio. A descrição dos vídeos aponta que homem seria ligado a facções criminosas e que a agressão seria motivada por uma postagem de foto da jovem.

No país que mais mata travestis e transexuais do mundo e onde a expectativa de vida delas é de apenas 35 anos, cenas como essa deveriam chocar. A ascensão da extrema direita ao poder com Bolsonaro veio para legitimar o discurso de violência e desumanização a segmentos já perseguidos, mortos e encarcerados, como de travestis e transexuais.

Segundo informações da Revista Fórum, o caso está sendo acompanhado pela Coordenadoria de Diversidade Sexual e de Gênero da Secretaria de Estado das Mulheres e dos Direitos Humanos do Rio Grande do Norte.

Em respeito a vítima optamos por não vincular o vídeo da agressão na matéria.




Tópicos relacionados

Violência Transfóbica   /    Rio Grande do Norte   /    Homofobia e Transfobia   /    Sociedade   /    Gênero e sexualidade

Comentários

Comentar