×

Greve no CRTR | Trabalhadores do CRTR completam 14 dias de greve. Confira declaração

Reproduzimos abaixo informação que chegou até nós por via do Facebook do Esquerda Diário. Reunidos em assembleia no dia 12/07, as/os trabalhadoras/es do CRTR SP decretaram greve a partir do dia 16/07.

sexta-feira 30 de julho | Edição do dia

Reunidos em assembleia no dia 12/07, as/os trabalhadoras/es do CRTR SP decretaram greve a partir do dia 16/07, como forma de demonstrar a insatisfação em face do endurecimento das negociações e negativa do Conselho em apresentar proposta que garanta a recomposição das perdas salariais bem como dos benefícios já conquistados nos Acordos Coletivos de Trabalho pactuados com o Sindicato ao longo dos últimos anos.

TRABALHADORES DO CRTR SP ESTÃO EM GREVE HÁ 14 DIAS

As trabalhadoras e trabalhadores do Conselho Regional de Técnicos em Radiologia - CRTR SP completam hoje 14 DIAS DE GREVE deflagrada no último dia 16 em resposta à falta de negociação do Conselho e à retirada de direitos. Com apoio do Sinsexpro, o sindicato dos Trabalhadores das Autarquias de Fiscalização do Exercício Profissional e Entidades Coligadas no Estado de São Paulo, essa é a primeira greve da categoria em tempos de pandemia realizada totalmente no formato online.

Ao longo de quatro meses, o Sinsexpro busca, sem sucesso, a renovação do acordo coletivo dos trabalhadores. O endurecimento das negociações pelo Conselho foi baseado em alegações de dificuldades financeiras trazidas pela pandemia, que não condizem com a realidade. De acordo com o portal transparência do CRTR/SP verificou-se um superávit orçamentário no valor de R$ 1.177.748,47, no ano de 2020. No mesmo ano foi registrada a maior arrecadação desde a sua fundação, contrariando o discurso da gestão atual de "iminente falência". Apesar do recorde de arrecadação, o CRTR/SP não só retira direitos dos funcionários como prejudica o atendimento aos profissionais da radiologia.

Para além da inevitável greve, empréstimos gratuitos de funcionários concursados do órgão para outros regionais contribuem para a diminuição da quantidade de efetivos e, consequentemente, trazendo prejuízos aos profissionais representados pelo CRTR/SP.

Com a #CRTRSPNenhumDireitoAMenos, as/os trabalhadoras/es protestam virtualmente todos os dias com muita disposição e combatividade, construindo uma rede de apoio ampla. Além dos atos virtuais, o movimento grevista também dialoga com os profissionais da radiologia e a sociedade a partir da divulgação de uma carta aberta na qual são detalhados os motivos da paralisação.

Confira aqui também a nota do Sindicato dos Trabalhadores das Autarquias de Fiscalização do Exercício Profissional e Entidades Coligadas no Estado de São Paulo




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias