×

Morte de trabalhador | Trabalhador morre em refinaria da Petrobrás em Pernambuco fruto da precarização do trabalho

Nesta segunda-feira (27), ocorreu mais um caso de morte de um trabalhador durante o serviço. A tragédia ocorreu durante a manutenção de equipamento na Refinaria Abreu e Lima, no Grande Recife.

terça-feira 28 de setembro | Edição do dia

Um trabalhador morreu durante uma manutenção de um equipamento na Refinaria Abreu e Lima (RNEST) , no Complexo de Suape, em Ipojuca, no Grande Recife. A informação foi confirmada pela Petrobras.

Ele trabalhava na empresa terceirizada QWS, que atua na refinaria. O trabalhador foi atingido por ar comprimido em alta pressão. A vítima chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu pouco depois do acidente de trabalho. Seu nome não foi divulgado

De acordo com o auditor fiscal do trabalho Carlos Silva, o trabalhador estava fazendo uma inspeção em uma válvula de alta pressão de vapor.

Situações como essa são muito frequentes e não se tratam de acidentes, e sim, responsabilidade direta dos empresários que não dão a mínima para a vida dos trabalhadores e que lucram às custas da exploração e da morte.

A terceirização coloca os trabalhadores cada vez mais em situações precárias e de grande risco. No caso da Petrobrás, essa precarização, que leva a morte, tem relação direta com projeto de privatização que avança cada vez mais na empresa.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias