×

Reforma Administrativa em SP | Servidores de SP manifestam contra PLC 26 de Dória que será votada nesta noite na Alesp

Servidores públicos do estado de São Paulo manifestaram na tarde desta terça-feira (28) contra o Projeto de Lei Complementar 26/2021 de Dória que altera o Estatuto do Servidor Público e do Magistério e outras leis para retirar mais direitos dos servidores. A votação do PLC26/2021 ocorrerá ás 19 horas na Assembleia Legislativa de São Paulo.

terça-feira 28 de setembro | Edição do dia

Foto: Apeoesp/ Facebook

O PLC26/2021, que será votado na Alesp, foi colocado em pauta às pressas na semana passada e será votado na noite desta terça-feira às 19 horas.

Leia sobre: Alesp coloca em pauta PLC 26, forte ataque de Doria aos servidores públicos

Esse Projeto de Lei Complementar tem como objetivo atacar os servidores públicos estaduais retirando vários direitos dos trabalhadores. Isso mostra como Dória e Bolsonaro estão completamente alinhados nos ataques aos trabalhadores.

O governador de São Paulo utiliza desse ataque como parte da campanha eleitoral de 2022 para mostra mais uma vez para a burguesia que pode passar mais ataques e ajustes contra os trabalhadores e a população.

Nesse marco, o sindicato, que é dirigido pelo PT e PCdoB busca saídas pela justiça burguesa, a mesma que passa diversos ataques, ou saídas eleitorais que não colocam em cena a força dos trabalhadores a frente para derrotar os ataques, e não organiza com todas as forças os setores que sofrem com os ataques do Dória, e o que desmobiliza a luta dos trabalhadores.

Leia mais sobre: É preciso organizar os professores para derrotar Doria e o PLC 26

A professora Marcella Campos, diretora da APEOESP pelo Movimento Nossa Classe Educação, participou do ato na tarde de hoje na Assembleia Legislativa de São Paulo contra a reforma administrativa do Doria (PLC 26/21). Mais um ataque de BolsoDoria contra os servidores estaduais e a população, já que se não for barrado significará ainda mais precarização dos serviços públicos.
Veja o vídeo direto da manifestação:




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias