×
Rede Internacional

Maqueiros RJ | Sem salário e com geladeira vazia, veja vídeo de terceirizado da saúde no RJ

Trabalhadores Terceirizados da Empresa Angel’s, que presta serviços no Hospital Municipal Carmela Dutra para a Prefeitura do Rio de Janeiro, seguem sem receber seus salários há mais de 6 meses e denunciam em vídeo essa situação absurda que leva a falta de alimentação de suas famílias.

quinta-feira 22 de julho | Edição do dia

Um trabalhador da empresa Angel’s, contratada pela prefeitura do Rio de Janeiro – sobe a gestão de Eduardo Paes, que presta serviços para o Hospital Municipal Carmela Dutra enviou um vídeo de denúncia para o Esquerda Diário. Neste vídeo o trabalhador relate que não recebe seu salário há mais de 6 meses e que até pouco tempo a esposa, também terceirizada, era quem estava arcando com as contas de casa.
A empresa que mesmo sem realizar os pagamentos tem obrigado os trabalhadores a comparecerem por meio da aplicação de faltas ainda passou a realizar o pagamento do vale alimentação de maneira parcelada. O absurdo não para por aí e tem ido recorrente a falta de pagamento de parcelas desse benefício aos trabalhadores. No vídeo o trabalhador mostra sua geladeira vazia, com apenas alguns itens ganhos por doação, já que, sua esposa que também trabalha em uma unidade de saúde passou a enfrentar o mesmo problema de falta de pagamento.

Veja aqui o vídeo na integra:

A empresa Angels e a prefeitura de Eduardo Paes estão forçando os maqueiros do Hospital Municipal Carmela Dutra a trabalhar sem receber há diversos meses. Um fato absurdo que escancara toda a precarização que representa a terceirização onde nem o justo, que é o direito a receber o salário em dia, é garantido aos trabalhadores. Esses mesmo trabalhadores que como opção ou tem os trabalhos precários ou o fantasma do desemprego, fruto das políticas dos golpistas Bolsonaro, Cláudio Castro e Paes.
Nós do Esquerda Diário nos solidarizamos com essa situação e nos colocamos a disposição a ampliar o alcance dessas denuncia e para exigir o pagamento imediato dos salários atrasados. É inadmissível que trabalhadores da saúde, em meio a pandemia, não recebam seus salários em dia. Tanto a empresa quanto a prefeitura, sob a gestão de Eduardo Paes, são responsáveis pela fome dessas famílias. É preciso exigir o pagamento imediato e rever a terceirização que permite situações como essas de forma recorrente.

Quer denunciar? Mande seu relato para +55 11 97750-9596 E siga o Esquerda Diário nas redes e plataformas de streaming!
Todos os dias, ouça a realidade contada a partir dos trabalhadores em 5 minutos!




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias