×

REABERTURA DAS ESCOLAS | Secretária da Educação de Kalil coloca a responsabilidade nos educadores caso contraiam Covid

Enquanto o governo de Kalil colocar a vida de estudantes e profissionais da educação em risco no pior momento da pandemia, Ângela Dalben, secretária da Eduacação de BH, em entrevista, afirmou que o uso de EPIs e o seguimento de protocolos de segurança são suficiente contra a Covid-19.

quarta-feira 5 de maio | Edição do dia

Foto: PBH Divulgação

Em entrevista à Band News FM, nesta última segunda-feira (03), a Secretária de Educação de Belo Horizonte, Ângela Dalben, fez uma fala absurda colocando a responsabilidade de contaminação por Covid-19 nas escolas nas costas dos trabalhadores da educação.

A secretária afirmou que a contaminação dos profissionais da educação não aconteceria se os protocolos de segurança fossem seguidos e se os EPIs fossem usados corretamente, como se essas medidas fossem capazes por si só de barrar uma pandemia que está em seu pior estágio.

Os trabalhadores da educação da Rede Municipal de Ensino de Belo Horizonte, que impulsionaram um ato no último dia 3 de maio e estão em greve sanitária pela vida, contra o retorno inseguro de Kalil, publicaram uma nota de repudio à fala de Dalben.

A situação de calamidade sanitária é de responsabilidade do governo Bolsonaro e de seu negacionismo, mas também de governadores como Zema e prefeitos como Kalil, que frente a barbárie sanitária tem como prioridade o lucro dos grandes empresários da educação e não mede esforços para que isso aconteça mesmo sob o risco da perda de vidas dos trabalhadores da educação e dos estudantes.

Veja também: 5 motivos para apoiar a greve da educação contra Kalil e o retorno inseguro




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias