Logo Ideias de Esquerda

Logo La Izquierda Diario

SEMANÁRIO

Sans la nommer: sem nomeá-la, canção francesa fala sobre a revolução

Lina Hamdan

Sans la nommer: sem nomeá-la, canção francesa fala sobre a revolução

Lina Hamdan

Considerada como uma das canções mais poéticas que já foram escritas sobre a revolução, publicamos aqui a letra de Sans la nommer ("Sem nomeá-la"), composta em 1969 pelo compositor e cantor francês-egípcio Georges Moustaki.

Eu gostaria de, sem nomeá-la,
Falar dela para vocês
Como de uma bem-amada,
De uma infiel,
Uma menina viva
Que acorda
Aos amanhãs que cantam
Sob o sol.

Ela é aquela que é espancada,
Que é seguida e perseguida.
É ela que se levanta,
Que sofre e entra em greve.
É ela que é aprisionada,
Traída, abandonada.
Que nos dá vontade de viver,
Que nos dá vontade de segui-la
Até o fim, até o fim.

Eu gostaria de, sem nomeá-la,
Prestar uma homenagem a ela.
Linda flor do mês de maio
Ou fruto selvagem.
Uma planta bem plantada
Sobre suas duas pernas
E que carrega a liberdade
Onde quer.

Eu gostaria de, sem nomeá-la,
Falar dela para vocês.
Bem-amada ou mal-amada,
Ela é fiel.
E se vocês querem
Que eu a apresente,
Nós a chamamos de
Revolução Permanente!

veja todos os artigos desta edição
CATEGORÍAS

[Carcará - Semanário de Arte e Cultura]   /   [Revolução Permanente]   /   [Luta de Classes]   /   [Revolução]   /   [cultura]   /   [Arte]   /   [França]   /   [Música]   /   [Cultura]

Lina Hamdan

Estudante de Artes Visuais na UFMG
Comentários