Sociedade

PANDEMIA EM SÃO PAULO

SP registra 1.095 mortes em 24h por responsabilidade de Dória e Bolsonaro

Nesta quarta-feira (14), o estado de São Paulo registrou novamente mais de 1000 mortes em 24h pela COVID-19, chegando a uma média móvel de 862. A política demagógica de Dória e o negacionismo de Bolsonaro estão levando SP ao colapso.

quarta-feira 14 de abril| Edição do dia

Imagem: Ueslei Marcelino/Reuters

O mês de abril está na metade mas já pode ser considerado o pior desde o começo da pandemia para São Paulo. Nas últimas 24h, foram registradas 1.095 mortes por COVID-19 no estado.

A média móvel atingiu 862 e este já é o sexto dia em que SP registra mais de 1000 mortes em 24h. A maior média até o momento foi 1.389, no dia 6 de abril.

Veja: Demagogia assassina: A responsabilidade de Dória nas mais de 84 mil mortes

Ainda, mais um dado escandaloso: desde fevereiro, ao menos 543 pacientes morreram na fila de espera por um leito de UTI. Essa situação de calamidade e todas as vidas perdidas são de responsabilidade direta da demagogia de Dória, do negacionismo de Bolsonaro e de toda política dos militares, Congresso e STF que seguem diariamente atacando os trabalhadores ao invés de combater efetivamente a pandemia.




Tópicos relacionados

BolsonaroGenocida   /    MORTES COVID-19   /    Bolsonaro   /    COVID-19   /    Pandemia   /    Coronavírus   /    João Doria   /    Sociedade   /    São Paulo   /    São Paulo (capital)

Comentários

Comentar