×

Greve da Carris | Rodoviários da Carris fazem ato contra extinção dos cobradores e privatização da empresa

A categoria entrou em greve a partir da madrugada de hoje (03) por tempo indeterminado após a votação de ontem na Câmara que prevê a extinção dos cobradores: cerca de 3 mil pais e mães de família que Melo e os empresários querem jogar no olho da rua.

sexta-feira 3 de setembro | Edição do dia

Após cruzarem os braços na frente da garagem os rodoviários começaram a marchar por volta das 8:00 da manhã em direção ao viaduto da São Jorge. Estudantes e trabalhadores de outras categorias se juntaram aos rodoviários em defesa de seus empregos e contra a privatização de Carris. Palavras de ordem como “Carris unida jamais será vendida” e “o cobrador é meu amigo, mexeu com ele mexeu comigo” estão sendo gritadas sobre os corredores de ônibus pelas bocas dos trabalhadores que foram linha de frente em suprir linhas que as empresas privadas deixaram de atender em meio à pandemia por não serem rentáveis o suficiente.

A polícia que garantiu a saída de alguns fura-greves nessa madrugada e que sempre está do lado dos interesses do patrão, está escoltando e intimidando os trabalhadores ao longo de todo o ato para que saiam dos corredores. Contudo, o ato está recebendo um forte apoio da população que também está cansada de receber ataques e sabem que a privatização e extinção dos cobradores piorará e e deixará mais caro ainda o transporte na cidade.

Melo e Câmara aprovam o fim dos cobradores. Ainda há tempo de barrar os ataques

Qual a recompensa que eles recebem por arriscarem suas vidas e de suas famílias para garantir transporte para a população? Demissões em massa, extinção do cargo de cobrador, privatização da empresa, tudo isso para encher ainda mais os bolsos dos grandes empresários do transporte que sonham em colocar as garras nas linhas lucrativas da Carris e deixar a Deus dará as linhas que não são tão rentáveis.

Melo e os empresários pouco se importam com a qualidade do transporte para a população, com uma passagem barata e um serviço digno tanto para usuários quanto para os rodoviários, o que querem é descarregar a crise nas costas dos trabalhadores de Porto Alegre. Por isso devemos cercar de solidariedade essa enorme luta que os rodoviários estão travando por seu direito a um emprego digno e uma Carris pública que vise um transporte de qualidade para a população e não o lucro na mão de um punhado de parasitas. Veja no link abaixo algumas propostas do Esquerda Diário para derrotar os ataques.

4 propostas para derrotar Melo na luta contra a privatização da Carris




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias