Gênero e sexualidade

"Quem mandou estar muito gostosa?" Veja os absurdos ditos por Marcius Melhem para vítimas

O caso de assédio de Marcius Melhem, ex-Globo, que já estão divulgados desde o início de 2020, ganhou nova repercussão com matéria publicada pela revista Piauí. Veja aqui as declarações mais absurdas ditas pelo ator que constam na matéria.

sexta-feira 4 de dezembro de 2020| Edição do dia

Foto: (Reprodução/Victor Pollak/TV Globo)

As frases reproduzidas a seguir foram retiradas da reportagem feita pela revista Piauí, e, segundo a própria matéria, contaram com testemunhas, que em muitos casos preferiram não se identificar.

“Quem mandou você estar muito gostosa?”

Essa frase foi dita por Marcius Melhem, três dias após o primeiro caso de assédio cometido contra Dani Calabresa. “Eu não tenho culpa do que aconteceu”, diz ele se referindo ao episódio acontecido dias antes, onde ele tentou beijar Calabresa a força, e também teria a colocado contra a parede, imobilizando seus braços, lambendo seu rosto e esfregando o pênis em seu corpo.

As absurdas frases foram ditas no estúdio do Projac, testemunhadas também por Maria Clara Gueiros, enquanto contracenava com Dani Calabresa.

“Eu trouxe você para a Globo, eu te protejo aqui dentro da emissora e você vai me trair?”

A frase foi dita por Melhem para Calabresa quando, em 2015, a atriz teria recebido um convite de Miguel Falabella para um programa. Marcius Melhem a tratou como “apadrinhada”, e sua propriedade de trabalho na Globo.

Segundo a reportagem, ele teria barrado o convite de Falabella com a justificativa de ter sido quem levou Calabresa para a Globo.

“Anda estranha”

Logo antes de Calabresa, no final de 2019, acionar o DAA da Globo, (Desenvolvimento e Acompanhamento Artístico, departamento onde são levadas queixas e denúncias dentro da emissora), o próprio Marcius Melhem teria buscado Monica Albuquerque, na época responsável pelo setor, para dizer que Dani Calabresa “anda estranha”.

“O que mais você quer, filha, para calar a boca?”

Marcius Melhem teria dito isso já após as acusações serem públicas, e Dani Calabresa ter tido uma primeira derrota dentro da Globo com suas acuscões. Melhem queria derreter a humorista.

Segundo a Piauí, em uma gravação que tiveram acesso, ele teria dito que “Ainda ganha um quadro no Se Joga [programa que saiu do ar em março] e um programa na GNT”, e seguiu dizendo “o que mais você quer filha, para calar a boca?”

Ele tentava na época, creditar Dani Calabresa como louca e mentirosa frente seus chefes na emissora. E visivelmente, calar e ofuscar as acusacões de assédio sexual e moral.

“não adianta reclamar no DAA”

A frase teria sido dita - e gravada em vídeo - em uma festa com roteiristas dos programas de humor na casa de Marcius Melhem, em Mauá, no interior do Rio de Janeiro.

Ele e roteiristas cantarolavam, em ritmo de jingle “Não tem compliance lá, não adianta reclamar no DAA”, em referência ao processo de compliance interno da Rede Globo, e o departamento responsável pelo caso. O compliance se refere ao processo de investigação interno da emissora.

Claramente, faziam graça com o como internamente as acusações de assédio não tinham sido vitoriosas, e Melhem debocha de sua tranquilidade.

O caso de Melhem apenas expõe a cara verdadeira da Rede Globo, e sua tolerância de anos com assédios morais e sexuais de Melhem. A emissora que diz ser uma combatente anti-opressões, e que sempre mostrou sua cara machista e racista com sua defesa das reformas economicas que atacam mulheres e negros, teve sua máscara derrubada com o caso, mostrando a enorme conivência interna com acusões de tamanha gravidade.




Tópicos relacionados

Assédio   /    Tv Globo   /    Machismo na TV   /    Mulheres   /    Machismo   /    Estupro   /    Violência contra a Mulher   /    Gênero e sexualidade

Comentários

Comentar