×

Greve MRV | Professora Maíra Machado: "Trabalhadores da MRV, sua luta é nossa luta!"

Professora Maíra Machado falou ao Esquerda Diário sobre a importância da greve dos trabalhadores da MRV em Campinas e como é preciso toda solidariedade para fortalece-la.

quinta-feira 5 de agosto | Edição do dia

Desde o dia 13 de julho os trabalhadores da MRV se encontram em greve por melhores condições de trabalho e por sua Participação nos Lucros e Resultados (PLR) que a empresa se recusa a pagar. Os trabalhadores denunciam que chega até mesmo a faltar papel higiênico em seus locais de trabalho, enquanto a construtora teve 137 milhões de reais em lucro somente em 2021. O Esquerda Diário veio organizando uma ampla campanha de apoio com fotos de centenas de trabalhadores e estudantes em todo o país dando força à luta desses trabalhadores. Hoje falamos com a professora Maíra Machado sobre a importância dessa luta e como podemos fortalecê-la ainda mais.

“A greve dos trabalhadores da construção civil da MRV não só é legítima e mais que justa, como deve ser um exemplo para tantas outras categorias.

Os relatos que a gente tem recebido aqui no Esquerda Diário, de situações desumanas nos canteiros de obra da MRV, infelizmente são parte de uma realidade que é muito mais comum do que a gente gostaria. Superexploração e condições de semi escravidão insistem em existir e os que mais estão submetidos à elas são os negros, uma marca cruel do racismo nesse país. Apoiar e fortalecer a luta dos trabalhadores da MRV contra essa empresa multimilionária e mesquinha é nosso dever como trabalhador, como mulheres, como parte dos que são oprimidos para ser ainda mais explorados por esse sistema capitalista miserável que gera riquezas enormes na mão de uma minoria de parasitas.

Saiba mais: Greve da MRV em Campinas

Nós do MRT, que construímos o Esquerda Diário, a Juventude Faísca e o Movimento Nossa Classe com mais dezenas de ativistas independentes por todo o país, queremos reafirmar:Trabalhadores da MRV, sua luta é nossa luta! É luta por direitos, é luta contra a superexploração do trabalho de vocês e da massiva maioria dos trabalhadores brasileiros. Enfrentar os patrões como vocês estão dando exemplo, é um exercício político prático no sentido de enfrentar a crise que esses capitalistas milionários tentam descarregar nas nossas costas.

Os patrões da MRV e de tantas outras grandes empresas têm os governos e a grande mídia ao seu lado, para tentar nos enganar de que são coitados, de que não podem pagar os direitos, mas a gente no chão do canteiro de obra, na fábrica, na escola dando aula pros filhos de vocês, a gente sabe a verdade, que nos sugam toda energia, nos sugam a vida e não retornam quase nada, muitas vezes nem o suficiente para que tenhamos saúde para seguir trabalhando. É um sistema miserável e a greve de vocês é um exemplo.

Acompanhe e seja parte da campanha em apoio aos trabalhadores da MRV: Greve na MRV

Nossa cobertura da greve pelo Esquerda Diário, a ampla campanha de fotos que organizamos, nossas idas aos atos colocando nossa força ao lado desses trabalhadores, assim como os chamados que viemos fazendo aos sindicatos, organizações da esquerda e parlamentares são fundamentais, são ações que qualquer corrente que se reivindica de esquerda deveria estar fazendo, mas ainda é pouco. A luta de vocês é nossa luta e faremos tudo que for possível para seguir fortalecendo, até a vitória, porque uma vitória na MRV fortalece a necessária batalha pela greve geral tão necessária para enfrentar Bolsonaro, Mourão, todos os golpistas e capitalistas, exigindo das direções das Centrais Sindicais um plano de luta efetivo que começa por colocar toda a força nessa batalha que está em aberto agora.”




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias