×
Rede Internacional

HUMBERTO MARTINS | Presidente do STJ, cotado para o STF por Bolsonaro, autoriza obras do Museu da Bíblia no DF

Humberto Martins, presidente do STJ, é um dos cotados para ocupar a cadeira do STF no lugar de Marco Aurélio Mello.

quarta-feira 28 de abril | Edição do dia

Foto: Emerson Leal/STJ

Um dos favoritos para ocupar a vaga de próximo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) por Bolsonaro, Humberto Martins, que atualmente é presidente do Supremo Tribunal de Justiça, autorizou a retomada da construção de Museu da Bíblia em Brasília.

A obra tinha sido interditada após decisão do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), com o argumento que fere o principio do Estado laico. Martins, que é adventista, derrubou a liminar e autorizou a continuidade das obras com o argumento que local teria a função cultural e educativa.

Veja mais: Enquanto população amarga na miséria, dívida de Igrejas com a União chega a R$ 1,9 bilhão

Martins foi o juiz que pediu a investigação da conduta disciplinar do juiz Flávio Itabaiana, que era responsável pelo caso das “rachadinhas” comandadas por Fabrício Queiroz. Esse é um dos motivos de ser o preferido de Flávio Bolsonaro, para ocupar a vaga de ministro "terrivelmente evangélico" no STF, que estaria cotado junto com o o pastor presbiteriano André Mendonça, advogado-geral da União (AGU) para ocupar a vaga.

Assim como André Mendonça, Martins expressa a política conservadora, racista do governo Bolsonaro, que entregou parte do estado nas mãos das igrejas, em especial das evangélicas, que compõem boa parte de sua base política dura.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias