×

"Novo" nome | Porta-voz do Talibã declara volta do “Emirado Islâmico do Afeganistão” pelo Twitter

O nome é o mesmo adotado anos atrás, em 1996, quando o Talibã subiu ao poder. Anúncio foi feito pelo porta-voz que até ontem estava nas sombras, Zabihullah Mujahid, pelo Twitter, no dia que comemora os 102 anos da independência do país.

sexta-feira 20 de agosto | Edição do dia

Zabihullah Mujahid, porta-voz do Talibã falando em coletiva de imprensa ontem, 19

No tweet abaixo, é possível ler “Declaração do Emirado Islâmico do Afeganistão por ocasião do 102º aniversário da independência do país do domínio britânico” escrito em árabe e traduzido pelo google. A palavra “emirado” vem de “emir”, cujo significado pode ser traduzido por “chefe” ou “príncipe”. O “Emirado”, portanto, designa um território governado por um Emir, podendo ser uma palavra para designar um tipo de Estado.

Após anos de ocupação inglesa no território afegão durante o século XIX e início do XX, o país conseguiu sua independência em 19 de agosto de 1919. Ontem, quatro dias após o Talibã subir ao poder novamente, a declaração renomeia o nome do regime político. O regime instaurado em 2004, após a ocupação imperialista que teve início em 2001, se chamava República Islâmica do Afeganistão e agora passou a ser o Emirado Islâmico do Afeganistão.

Sobre o Talibã, leia declaração de Letícia Parks: "Talibã é uma força opressora fundamentalista após 20 anos de invasão imperialista"

A declaração feita pelo porta-voz do grupo fundamentalista, que nunca havia feito uma aparição pública para os meios de comunicação até então, ocorre alguns dias após Biden fugir cinicamente da responsabilidade sobre os ocorridos dessa última semana.

Saiba mais: O triunfo dos Talibãs e o novo momento Saigon dos Estados Unidos no Afeganistão

Para saber mais profundamente sobre esse complexo tema, veja a abertura da atividade que fizemos nessa quinta-feira (19), com Marie Castañeda e André Barbieri.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias