×

Esquerda | Polo Socialista e Revolucionário terá ato de lançamento em São Paulo dia 03/12

Dia 03/12 sexta-feira acontecerá ato de lançamento do Polo Socialista e Revolucionário em São Paulo, no Sindicato dos Metroviários. O MRT convida todos e todas a participarem.

quinta-feira 25 de novembro | Edição do dia

Frente ao aprofundamento do cenário de degradação da vida no país e dos ataques aos trabalhadores e os setores oprimidos intensificados pelas mãos de Bolsonaro e Mourão compartilhando estes ataques com governos que se colocam como oposição, como João Doria, é fundamental a unidade entre a esquerda socialista e revolucionária. Por isso, nós do MRT estamos construindo o Polo Socialista e Revolucionário junto com outras organizações e ativistas.

Viemos colocando a necessidade de atuar fortemente para contribuir na auto-organização da nossa classe exigindo das centrais sindicais que se mobilizem para enfrentar todos estes ataques, efetivando a unidade dos trabalhadores e setores oprimidos e não com a direita neoliberal. Enfrentar assim as reformas, privatizações e ataques em uma luta comum por Fora Bolsonaro e Mourão, que não signifique um mero desvio por dentro do regime que pudesse levar Mourão ao poder. Neste caminho há muitas posições políticas que consideramos importante seguir debatendo, como expressamos nas contribuições que enviamos ao Manifesto do Polo Socialista e Revolucionário. Os acordos que temos, entretanto, são uma base importante pra avançar num programa para que efetivamente sejam os capitalistas que paguem pela crise.

Essa unidade é ainda mais fudnamental quando amplos setores da esquerda buscam subordinar sua política à Lula e ao PT, aos acordos partidos de direita e aceitando, também, a paralisia e trégua das centrais sindicais. Com uma crise econômica que se faz sentir cada vez mais nas costas dos trabalhadores, mulheres, negros e LGBT´s, consideramos urgente unir a esquerda que não está buscando uma alternativa de conciliação de classes. Essa unidade deve se dar a serviço de uma intervenção audaz na luta de classes, em cada processo por mais incipiente e parcial que seja, levantando uma política de independência de classes e para que os capitalistas paguem pela crise. Essa intervenção na luta de classes deve se expressar também no terreno político, apresentando uma alternativa socialista e revolucionária. O exemplo da Frente de Esquerda e dos Trabalhadores Unidade na Argentina (FIT-U, pela sigla em espanhol) acreditamos se tratar de uma experiência concreta de um programa neste sentido, oposto às distintas iniciativas neo-reformistas mundo afora.

No próximo dia 03 de dezembro, sexta-feira, às 19h acontecerá o Ato de lançamento do Polo Socialista e Revolucionário em São Paulo. Esse ato será realizado de forma online e presencial, na sede do Sindicato dos Metroviários na cidade de São Paulo. São Paulo é um dos principais palcos dos focos de resistência da classe trabalhadora no último período, como foi com as trabalhadoras da LG e das suas fábricas terceirizadas, dos metroviários de São Paulo contra João Doria, do exemplo da luta dos trabalhadores da MRV em Campinas, dos servidores da Proguaru contra as demissões, dos trabalhadores da Rede TV e da TV Mundial e dos servidores municipais de São Paulo contra o Sampaprev 2 de Nunes. Em todas essas lutas a esquerda socialista e revolucionária poderia ter atuado de forma unificada fazendo ainda mais diferença, é por essa perspectiva que queremos avançar, inclusive com uma tarefa já imediata que é cercar de solidariedade a greve dos Aeronautas em todos os estados na próxima segunda-feira dia 29/11.

Chamamos todos e todas a estarem neste lançamento, e seguimos buscando novas organizações e ativistas para ampliarmos o alcance do Polo Socialista e Revolucionário. Nós do MRT estaremos representados por Marcello Pablito, Diretor de Base do Sindicato dos trabalhadores da USP, e Fernanda Peluci Diretora do Sindicato dos Metroviários de São Paulo, junto aos militantes do MRT de São Paulo e e fazemos o convite as trabalhadoras e trabalhadores que protagonizaram a resistência contra os ataques dos governos, a juventude, os setores da vanguarda, ativistas do movimento negro, LGBT’s e do feminismo socialista a participar do ato de lançamento do Polo Socialista e Revolucionário em São Paulo no próximo dia 03/12 às 19h.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias