×

MWL | Polícia tenta impedir ocupação dos trabalhadores da MWL em defesa dos salários

Na manhã desta sexta-feira os trabalhadores ocuparam a fábrica em defesa do pagamento de seus salários e a polícia militar tentou impedir a ação. Veja os vídeos nesta matéria.

sexta-feira 3 de junho | Edição do dia

"Aqui não tem bandido" gritam os trabalhadores da MWL que ocuparam a fábrica para realizar uma assembleia lá dentro, em defesa do pagamento de seus salários atrasados. Enquanto os trabalhadores já estavam realizando sua assembleia, a polícia militar entrou na empresa e tentou impedir a ação.

Esses trabalhadores estão em greve desde o dia 06 de maio contra a patronal de capital chinês que está em recuperação judicial mesmo com os trabalhadores denunciando que sua produção vinha sendo bastante alta, o que indica que nos últimos meses vinha tendo altos índices de lucratividade. A fábrica produz rodas e outras peças para trens, inclusive para o metrô de Nova York.

A ocupação da planta se iniciou por volta das 8h da manhã com cerca de 120 trabalhadores e diretores do Sindicato de Metalúrgicos de São José dos Campos. A ação da polícia militar só mostra que não podemos ter qualquer ilusão de que essa instituição é parte da classe trabalhadora. Em momentos como esse fica evidente que as polícias são um braço do estado e estão a serviço dos interesses dos empresários e acionistas. Mas a decisão dos trabalhadores fez com que essa medida da polícia militar não impedisse a realização da assembleia dos trabalhadores dentro da planta. Por volta das 10h os trabalhadores finalizam a ação.

“A ocupação é uma resposta à direção da MWL, que está tratando os trabalhadores com absoluto descaso. Vamos exigir o pagamento dos salários e todos os nossos direitos. Não podemos admitir que famílias passem necessidade. A ocupação de hoje terminou, mas a luta continua até que os salários sejam pagos”, afirma o secretário-geral do Sindicato, Renato Almeida.

A greve e todas as medidas de luta dos trabalhadores são totalmente legítimas. Nós do Esquerda Diário nos solidarizamos com essa importante luta dos trabalhadores da MWL e estamos a disposição para potencializar essa luta. As grandes centrais sindicais precisam urgentemente romper sua paralisia e mover suas forças para que exemplos de luta como esse da MWL possam vencer.

Todo apoio à luta dos trabalhadores da MWL!
Pagamento imediato de todos os salários e direitos!

Veja também:
Contra atrasos nos salários, trabalhadores da MWL ocupam fábrica
Trabalhadores da Caoa-Cherry e MWL realizam ato no Consulado Chinês




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias