×
Rede Internacional

REPRESSÃO EM PORTO ALEGRE | Policia reprime ato contra aumento das passagens em Porto Alegre

Centenas de manifestantes seguiam em passeata quanto a Brigada Militar iniciou a repressão. Enquanto na TV diziam que os manifestantes são contra o aumento dos rodoviários, no ato contavam: “trabalhador, me diz ai se o seu salário aumento” e “somos o povo e esse aumento os ricos tem que pagar”

quinta-feira 9 de fevereiro de 2017 | Edição do dia

No mesmo momento em que os trabalhadores e juventude estavam sendo reprimidos no Rio de Janeiro, na manifestação contra a privatização da Cedae, a Brigada iniciou a repressão ao ato da juventude em Porto Alegre.

O ato iniciou com centenas de manifestante seguidos por um forte contingente policial. Ainda na Avenida Borges de Medeiros a Brigada iniciou a repressão, com o objetivo de acabar com o ato antes que ele ganhasse mais força e visibilidade.

Enquanto na TV diziam que os manifestante são contra o aumento dos rodoviários, no ato contavam: “trabalhador, me diz ai se o seu salário aumento” e “somos o povo e esse aumento os ricos tem que pagar”. Talvez isso explique porque reprimiram tão rápido a manifestação.

Pra quem se preocupa tanto com os trabalhadores, deveriam divulgar como os garis sofreram hoje com o gás lacrimogêneo que foi jogada enquanto eles realizavam o seu serviço.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias