×

Repressão Policial | Pistoleiros invadem ocupação do MST no Recife e atiram em homem após PM negar socorro

O acampamento Nelson Mandela na zona sul da cidade foi invadido por homens armados que agrediram os ocupantes e mataram um homem. A PM negou socorro.

segunda-feira 19 de julho | Edição do dia

(Foto: MST-PE)

Há 2 semanas as 300 familias que estão na ocupação Nelson Mandela, no bairro de Jordão, no Recife estão recebendo ataques, justamente quando a Companhia Estadual de Habitação e Obras (CEHAB) começou a negociar a regularização do terreno ocupado.

Grande parte das 300 famílias que estão hoje no local são vítimas dos alagamentos que ocorreram em Jaboatão em maio. Na noite de ontem as investidas recrudesceram. Segundo José Severino da Silva:

"Chutaram meu rosto e deram um tiro que pegou na cabeça de um companheiro, que perdeu muito sangue e está internado. Em menos de um minuto chegou uma viatura da polícia, mas disseram que não iam fazer nada, que ali era cada um por si. Essa é a segunda vez. Na semana passada me perseguiram de carro"

Nós do Esquerda Diario e do MRT nos solidarizamos com as famílias e repudiamos a ação da polícia que é responsável pelo ocorrido. Depois de arrancar o olho de 2 trabalhadores no 29M, o governador Paulo Câmara do PSB dá mais uma mostra que sua política para as mobilizações sociais é apenas polícia e repressão.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias