×

Alto dos preços dos combustíveis | Para 28% da população, Bolsonaro é o responsável pela alta dos preços da gasolina

Parece que o tiro saiu pela culatra. Toda a retórica de Bolsonaro de colocar a culpa da alta dos preços dos combustíveis nos governadores e na Petrobrás não vem dando muito certo. Isso porque segundo a pesquisa Quaest 28% acham que a culpa é do presidente.

quarta-feira 8 de junho | 17:17

Enquanto Bolsonaro tentou se eximir da culpa da alta dos preços dos combustíveis dizendo que era culpa dos impostos estaduais sobre combustíveis mantidos pelos governadores ou da "roubalheira" da Petrobras. Mas segundo essa pesquisa patrocinada pelo Banco Genial, 16% da população acha que a culpa é da Petrobrás e 14% dos governadores.

Mas o fato é que enquanto Bolsonaro fugia da culpa, os trabalhadores acabavam saindo prejudicados com o aumento da gasolina, diesel e gás de cozinha. Esse aumento é fruto da política de preços da empresa, mas também da política privatizante do governo Bolsonaro que anda lado a lado com os interesses do Congresso, STF e militares.

Não à toa que a política de privatização da Petrobrás anda a passos largos como podemos ver na recente venda a preço de banana de refinarias no Nordeste e da Regap em Minas Gerais. Por isso, é necessário que se congelem imediatamente os preços dos combustíveis e alimentos ao preço anterior a pandemia, além do necessário ajuste salarial mensal de acordo com a inflação. Para que os preços dos combustíveis não fiquem a cargo da escolha dos acionistas que lucram milhões, é necessário defender uma Petrobrás 100% estatal e sob gestão operária e controle popular.

Veja também: Venda da Regap e destruição da Petrobrás




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias