CORONAVÍRUS

Pacientes com COVID estão tendo que entrar na justiça para conseguir leitos do SUS no RJ

Com os leitos reservados a Covid-19 no SUS do Rio com lotação de 92%, cerca de 900 pessoas esperam por vagas em leitos, enfermarias e UTI.

terça-feira 8 de dezembro de 2020| Edição do dia

Foto: John Minchillo - Via G1

Os leitos reservados para Covid no SUS no estado do Rio de Janeiro estão quase lotados, com ocupação de 92%. Só no mês de novembro, foram registradas 36 ações judiciais com pedidos de transferência para os leitos dedicados ao Covid-19.

Essa alta expressa o aumento do número de casos no estado. De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde, 452 pessoas aguardam transferência para leitos de Covid no Rio, 204 para enfermarias e 248 para UTI.

O G1 entrevistou Walquíquia Miranda, cuja mãe está em estado grave, inconsciente, e não tem acesso a uma vaga na UTI. Segundo Walquíria, ela já recorreu à justiça e ao hospital, mas sua mãe continua sem uma vaga adequada.

O negacionismo de Bolsonaro se expressa em um SUS sem estrutura para combater a pandemia. É necessário a unificação de todos os leitos disponíveis, públicos e privados, em um sistema único de saúde, controlado pelos trabalhadores. Além disso, os profissionais da saúde seguem cansados e sem as condições de trabalho necessárias: é preciso a contratação de todos os profissionais da saúde disponíveis durante a pandemia.




Tópicos relacionados

pandemia   /    Coronavírus   /    SUS   /    Rio de Janeiro

Comentários

Comentar