×

Violência policial | PM agrediu e ameaçou adolescente de 15 anos em Recife

A menina foi imobilizada pelo policial com o joelho, além de agredir e dar tapas no rosto dela. O policial também disse que “trabalhava sem farda também”. A tia dela afirma: “o que ele fez com a menina foi a mesma coisa que o policial dos Estados Unidos fez com George Floyd. Porque ela é negra e a gente é pobre”.

segunda-feira 4 de outubro | Edição do dia

Imagem: Divulgação

A agressão aconteceu no bairro da Mangueira, na Zona Oeste do Recife. Em vídeo disponibilizado pelo G1, o policial está em cima da adolescente, imobilizando ela com o joelho enquanto as pessoas gritam que ela é menor de idade.

As agressões e ameaças foram praticadas por dois policiais, integrantes do Regimento de Polícia Montada Dias Cardoso (RPMon). Tudo teria começado quando ela perguntou aos policiais o que eles encontraram com o irmão, que tem 21 anos e foi detido na abordagem.

- A luta para acabar com a polícia é a luta para acabar com o capitalismo

A menina conta que “ele deu uma rasteira, mas eu não caí. Na segunda, eu caí e vieram dois policiais para cima de mim. Começaram a bater, colocaram algema e ficaram dando em mim” e que “ele ficou pisando no meu pescoço, querendo me enforcar. Ficou dando murro em mim, nos meus braços, dando tapa na minha cara. Disse que não trabalhava só de farda, que trabalhava sem farda também. Estou com medo, não estou conseguindo dormir direito”.

Sendo a polícia brasileira uma das que mais matam no mundo para garantir os interesses da burguesia, a tia da menina faz a comparação: "o que ele fez com a menina foi a mesma coisa que o policial dos Estados Unidos fez com George Floyd. Porque ela é negra e a gente é pobre. E o policial branco. Ninguém vai ver uma coisa dessas em Boa Viagem. Eu disse tudo isso na delegacia”.

Leia também: Basta de desemprego e salários de fome! Que os grandes empresários paguem pela crise!




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias