×

Mudanças climáticas | O mar vai engolir Recife?

Nessa semana, esse tema foi muito falado. Entre memes e especulações de tubarões nos arranha-céus de boa viagem, discutiremos aqui a capacidade das mudanças climáticas afetarem a cidade.

sábado 16 de outubro | Edição do dia

Uma notícia essa semana deixou os recifenses inquietos. Segundo o Painel Intergovernamental das Mudanças Climáticas (IPCC, sigla em inglês), Recife é 16ª cidade do mundo mais ameaçada pelo aumento do nível do mar, sendo a capital brasileira mais ameaçada.

Isso não significa que de repente o mar irá simplesmente invadir a cidade. Mas que gradualmente irá causar uma série de problemas, que irão ficando cada vez piores. Do ponto de vista “natural”, Recife é a capital costeira de menor altitude do país e fica nos entornos do delta do Rio Capibaribe e Beberibe. No entanto, a questão “natural” está longe de explicar tudo.

Primeiramente que a subida do nível mar é consequência direta do aquecimento global, que está ligado ao destrutivo modo de produção capitalista. Além disso, Recife é uma das capitais mais densamente povoadas e possui um grande contingente populacional vivendo em situação precária nas encostas dos rios, fruto da imensa especulação imobiliária que vigora na cidade e empurra a população mais pobre para situações de moradia mais precária. Esse setor é o mais ameaçado pela subida do nível do mar. Além disso, boa parte da urbanização da cidade se deu em torno da destruição de ecossistemas como manguezais e com aterros, o que piora a situação.

As consequências do nível do mar já são vistas na redução da faixa de areia da costa de Boa Viagem. Em momentos de maré alta e com ondas fortes, a faixa de areia chega até mesmo a ficar totalmente submersa em alguns pontos.

Cabe dizer que apesar do alvoroço que a notícia dessa semana causou, nem o aumento do nível do mar é um problema novo, nem a vulnerabilidade climática da cidade foi um fato descoberto recentemente. Pelo contrário, já são discutidos há bastante tempo, mas os capitalistas são incapazes de dar uma resposta. A cada cúpula do meio ambiente, os líderes dos países só fazem se lamentar que não conseguiram cumprir as metas dos acordos anteriores. Ao mesmo tempo, entra e sai novos governadores e prefeitos que pouco fazem para mudar a situação da cidade. Portanto, se o capitalismo e seus governos destroem o planeta: destruamos o capitalismo!




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias