CORONAVÍRUS

O Brasil alcança mais de 154mil óbitos e em 24 horas morrem 662 pessoas pelo covid

Após sete meses de coronavírus no Brasil chegamos a mais de 154 mil óbitos e mais de 5 milhões de contaminados. Nas últimas 24 horas 662 pessoas foram vítimas do Covid-19.

quinta-feira 22 de outubro| Edição do dia

Imagem: Fonte google.

Michael Ryan (diretor de Emergência da Organização Mundial de Saúde) apontou para a estabilidade e queda de casos de coronavírus no Brasil, mas alertou que tal disposição acontece a partir de números altos de infectados.

São Paulo é o Estado mais atingido pela pandemia com o maior número de infectados, onde as principais vítimas do vírus foram pessoas negras e pobres. O segundo lugar fica para a Bahia, entretanto, o Rio de Janeiro, é a região que está atrás de São Paulo no número de mortes, sendo a mesma cidade que o governador do Estado foi acusado em envolvimento de desvio de dinheiro da saúde durante a pandemia, além disso, o Rio de Janeiro foi considero uma das cidades com mais letalidade do covid no mundo,, isso é resultado da política de Witzel e Crivella que durante a pandemia não buscaram medidas efetivas de combate ao coronavírus e resultando nas milhares e milhares de mortes que poderiam ser evitadas.

No Brasil de Bolsonaro, Mourão e a casta política de militares a vida dos trabalhadores são colocadas em risco cotidianamente, essas figuras políticas são representantes do que tem de mais anti popular no país, junto com o congresso e o senado não medem esforços para retirar os direitos básicos dos trabalhadores.
Os mais de 154 mil mortos pelo covid não são apenas números estatísticos são vidas de trabalhadores e jovens que poderiam ser salvas, se não fosse a política do governo Bolsonaro e os governadores.




Tópicos relacionados

COVID-19   /    pandemia

Comentários

Comentar