LUCROS CAPITALISTAS

No primeiro trimestre do ano Itaú bate recordes de lucros enquanto a miséria no país se aprofunda

O banco Itaú bateu recordes de lucros durante o primeiro trimestre do ano, enquanto isso, no Brasil são mais de 20 milhões de brasileiros desempregados, 55% das casas com insegurança alimentar e 400 mil mortes por Covid-19, os lucros dos grandes capitalistas são resultados do aumento de miséria de uma parcela significativa da população.

terça-feira 4 de maio| Edição do dia

Foto: Divulgação/google

Nesta segunda-feira (04), o banco Itaú tornou público o lucro líquido do primeiro trimestre do ano de 2021, segundo informações do próprio banco, foram R$5,414 bilhões em números percentuais representa um crescimento de 59,2%, isso em meio a uma onda crescente de desemprego, miséria e fome.

No primeiro trimestre do ano 2020 o banco Itaú obteve o lucro R$3,401 bilhões, ou seja, após um ano de pandemia o banco dobrou seus e lucros e riquezas. No ano passado em setembro o Itaú se aproveitou da reforma trabalhista para avançar com medidas de ataques contra seus funcionários, só em setembro do ano passado foram mais de 100 funcionários demitidos pelo Itaú.

Os grandes bancos capitalistas lucram através dos empréstimos e créditos liberados, enquanto os trabalhadores se afundam em dívidas e despesas os bancos batem recordes de lucros. Além disso, os banco recebem anualmente milhões em subsídios dos governos, sejam eles governo do PT, FHC na década de 90, Temer ou Bolsonaro. Na verdade, os bancos brasileiros engordam sob a sombra do estado a muitos anos, pelo menos, desde a década de 70.

No capitalismo quando a classe trabalhadora padece entre a fome, a morte e a miséria os grandes capitalistas buscam espaços de fortalecimento dos lucros e de suas propriedades privadas, essa é a relação mais emblemática das contradições do capitalismo na nossa realidade. Nesse momento o país alcançou 400 mil números de óbitos pelo coronavírus ao mesmo tempo que inúmeros trabalhadores sofrem com a precarização de suas vidas.




Tópicos relacionados

Lucro   /    COVID-19   /    Pandemia   /    Itaú   /    Bancos

Comentários

Comentar